A sociedade fica horrorizada quando vê alguma notícia de violência contra crianças e adolescentes. Mas o que você está fazendo para evitar este tipo de situação? Sabia que a sua ajuda pode ir muito além do que só fazer denúncias? Você também pode (e deve) escolher os conselheiros tutelares que vão atuar na sua região durante os próximos quatro anos. A eleição para o Conselho Tutelar de vários municípios paranaenses, inclusive Curitiba, ocorre neste domingo. Todo cidadão pode votar.

Ao contrário do que muita gente pensa, os conselheiros tutelares não são funcionários públicos. Eles são pessoas da comunidade e que são escolhidas pela própria comunidade. A eleição deste ano em Curitiba tem 180 candidatos. Serão escolhidos 50 conselheiros (5 para cada uma das 10 regionais de Curitiba) e mais 50 suplentes. A quantidade de eleitos nos municípios da RMC varia em cada cidade.

+Leia também: Cachorro maltratado em vídeo é resgatado e dono autuado na Grande Curitiba

Cada regional de Curitiba possui um local de votação, que ocorrerá das 8h às 17h. A votação será eletrônica, em urnas cedidas pelo Tribunal Regional Eleitoral.

Toda pessoa maior de 16 anos e que tenha título de eleitor pode votar. Basta levar o título e um documento oficial com foto. Mas Thiago Ferro, presidente da Fundação de Ação Social (FAS), apenas alerta que a pessoa só pode votar na regional ou município referente ao seu domicílio do título eleitoral.

“A votação não é necessariamente na regional que a pessoa mora, mas na zona eleitoral onde ela vota. Mesmo que a pessoa more na regional Boqueirão, por exemplo, mas vote na regional CIC, ela só tem direito de escolher o conselheiro em sua zona eleitoral”, explica Thiago.

+ Leia ainda: Associação promove bingo para arrecadar fundos e não fechar as portas

Para Curitiba, o resultado do pleito será divulgado dia 29 outubro e a posse dos 50 novos conselheiros ocorrerá no dia 10 de janeiro, para exercerem a função no período de 2020 a 2023.

Apesar de não ser uma votação obrigatória, Thiago explica que é fundamental a população se conscientizar sobre as garantias, os direitos e a proteção das crianças. “Os conselheiros são os primeiros guardiões das nossas crianças, dos nossos filhos. É fundamental a função do conselheiro na proteção e prevenção da violência contra este público. Por isto toda a população deve votar no próximo domingo”, convida ele.

Mecânico morre atingido por peça após ‘explosão’ em carro de competição