Em Curitiba, mais três pessoas morreram por covid-19 e suas complicações. De acordo com informações divulgadas nesta sexta-feira (30), pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), as vítimas que não resistiram à doença são dois homens e uma mulher, que tinham entre 58 e 64 anos de idade e que faleceram nas últimas 48 horas. Com mais estes registros, a capital contabiliza agora 1.475 óbitos durante a pandemia.

LEIA MAIS – Programe-se! Veja o que abre e fecha em Curitiba neste feriado de Finados

O novo boletim epidemiológico da cidade ainda mostra que mais 386 moradores de Curitiba foram infectados com o novo coronavírus, o que aumenta para 52.496 a soma de casos confirmados desde o dia 11 de março deste ano. Entre os pacientes contaminados, 47.371 já estão recuperados, sem sintomas e livres do isolamento social de 14 dias.

LEIA AINDA – Propaganda eleitoral custará R$ 800 milhões, o mesmo que 5,7 mil leitos covid-19

Casos ativos ainda em alta

Curitiba enfrentou durante esta semana, uma tendência de alta no número de casos ativos de covid-19. Nesta sexta-feira (30), a capital tem 3.650 pessoas em fase de potencial transmissão do vírus Sars-Cov-2. No boletim do dia anterior (29), eram 3.537 os casos ativos e há uma semana, na sexta-feira (23), a cidade informava o registro de 3.132 casos de infectados que poderiam transmitir a covid-19.

UTIs covid-19 do SUS

Hospitais de Curitiba que integram o Sistema Único de Saúde (SUS), tem hoje uma taxa de ocupação de 79% nos 285 leitos de unidade de terapia intensiva (UTI) exclusivos para covid-19. De acordo com a prefeitura, ainda há 59 leitos livres no SUS, que podem receber pacientes com diagnóstico de novo coronavírus ou com suspeita da doença.