Brasília – A Força Nacional foi criada em agosto de 2004 para atuar em situações emergenciais ou quando for detectada a urgência de reforço na área de segurança pública estadual. No total, 7.676 policiais e bombeiros de todo o país passaram por treinamento para compor o efetivo. Além do Mato Grosso do Sul, 150 integrantes da força já atuaram no Espírito Santo, em dezembro de 2004. Nos dois casos, o envio da tropa atendeu a um pedido dos governos estaduais.

O secretário Nacional de Segurança Pública, Luiz Fernando Corrêa, destacou que a criação da força não é resultado de uma ação isolada do governo federal, mas da cooperação entre os estados. "O governo do Mato Grosso do Sul solicitou, a União fez o seu papel federativo de articulação e os estados liberaram seus efetivos. Isso aqui é uma ação federativa, não é uma ação de governo federal", ressaltou.