ja811.jpgChegou ao mercado, em meados deste mês, o novo Peugeot 307, vindo da Argentina, com frente igual à do europeu. Griffe é o nome da nova versão mais esportiva do novo Peugeot 307, à venda com única opção de motorização, a 2.0 de 143 cavalos, 5 cv a mais que o modelo anterior.

São duas as opções de acabamento: Feline e Griffe. Esta última, que era uma série especial, passou a integrar a linha com a chegada do carro renovado. Avaliamos o topo da linha, Griffe, disponível apenas com câmbio automático de quatro marchas, com função seqüencial. O manual é exclusivo da Feline.

ja812.jpgA novidade fica por conta da grade dianteira, formada por filetes cromados (na versão Griffe) e integrada com dois novos faróis de neblina redondos. Os detalhes vêm incorporados ao pára-choque, mais encorpado que o da versão anterior. O efeito estilístico é favorável, mas o componente bate no chão quando o carro passa por valetas. Outro destaque fica por conta do logotipo da Peugeot, agora localizado sob o início da tampa do capô. O estilo do carro ficou mais atual e robusto, enquanto o interior mantém o padrão de acabamento requintado dos 307 disponíveis até agora.

Suas dimensões não passaram por alterações, exceto o comprimento, que cresceu 10 centímetros, totalizando 4,3 metros. O interior do 307 recebeu painel com contornos cromados. Além disso, o painel central também é novo, com detalhes de cromo e alumínio.

ja813.jpgA peça incorpora o rádio com disqueteira para cinco CDs, item de série na versão Griffe.

O novo Peugeot 307 é um carro que acompanha a evolução dos tempos. Por isso, quando o assunto é tecnologia, ele dispara na frente mais uma vez. Outra novidade fica por conta do sistema "bluetooth", que permite ao motorista falar ao telefone celular sem necessidade de tirar as mãos do volante, bem como o acendimento automático dos faróis em ambientes de baixa luminosidade e sensor de chuva que adapta a velocidade dos limpadores à intensidade da chuva.

ja814.jpgAlém de cromo e alumínio, o 307 Griffe também conta com couro no acabamento. O material reveste os bancos, volante e alavancas do freio de mão e câmbio. Os pedais são finalizados com alumínio. A iluminação da cabine é aprimorada com a presença do teto solar elétrico, que também está na lista de itens de série da versão topo de linha dos 307. Sua lista de itens de série traz ainda, ar-condicionado digital "bi-zone", que oferece duas zonas de temperatura independentes na cabine. (BN)

OLHO CLÍNICO

Quando você entra no Peugeot 307 Griffe, imediatamente sente a diferença. A sofisticação do acabamento, seu moderno painel e o habitáculo que envolve e protege os passageiros tornam a vida a bordo mais agradável.

ja821.jpgO motor 2.0 que equipa o 307 Griffe, importado da França, recebeu inovações, como inclusão de comando de admissão variável (VVT), que garante faixa de torque plena em todas as rotações. Com as melhorias, o propulsor ganhou 5 cavalos, passando a entregar 143 cv. O torque subiu de 19 kgfm para 20 kgfm a 4.100 rpm.

Seu câmbio é o mesmo do 307 anterior: automático de quatro marchas, com função seqüencial. Para acionar a função, basta empurrar a alavanca para a esquerda. Pelo modo "drive" (D), ele se adapta perfeitamente à sua maneira de dirigir. E ao se acionar o programa "Sport" (S), a caixa automática do 307 Griffe efetua a troca de marchas em rotação mais elevada, para uma direção mais esportiva. É interessante e divertido usar o câmbio seqüencial em rodovias e vias urbanas de trânsito rápido.

ja823.jpgSegundo a montadora o 307 Griffe acelera de 0 a 100 km/h em 11,10 segundos. As retomadas são rápidas: para chegar aos 100 km/h, a partir dos 40 km/h, o modelo precisa de 7 segundos, marca que depende da maneira de dirigir de cada motorista. Velocidade máxima, segundo a fábrica: 200 km/h. Acelerar o carro é empolgante: as trocas automáticas de marcha acontecem com poucos solavancos, e a estabilidade em curvas é um dos pontos altos.

A posição de dirigir é confortável, uma vez que o banco do motorista vem com sistema de regulagem de altura. Mesmo assim, ela prioriza a esportividade, graças ao volante de três raios, com pegada esportiva. Os freios a disco nas quatro rodas contam com sistema antitravamento ABS com assistência eletrônica (EVA), facilitando o controle do carro em uma manobra brusca. É preciso destacar também os indicadores para diversas funções do carro, verdadeiro presente para motoristas distraídos. Outro recurso de destaque é o alerta que avisa o condutor quando ele esquece de posicionar a alavanca de câmbio em "P" ao desligar o carro.

Entre os equipamentos de conforto, os destaques ficam por conta do computador de bordo, direção hidráulica com regulagem de altura e profundidade e piloto automático. Assim é o 307 Griffe, uma combinação perfeita entre "design" e tecnologia. (BN)

FICHA TÉCNICA

ja824.jpgMotor: Dianteiro, transversal, quatro cilindros em linha, quatro vávulas por cilindro, comandos no cabeçote, injeção eletrônica multiponto

Cilindrada: 1.997 cm3

Potência: 143 cv a 6.000 rpm

Torque: 20 kgfm a 4.000 rpm

Câmbio: Automático Seqüencial Tiptronic

Comprimento: 4,21 m

Largura: 1,74 m

Altura: 1,51 m

Entre-eixo: 2,60 m

Porta-malas: 420 litros

Peso: 1.330 kg

Suspensão: Rodas independentes, pseudo McPherson invertido, com barra estabilizadora, molas helicoidais e amortecedores hidráulicos pressurizados, na dianteira, Rodas independentes, com barra de dois braços deformável, barra estabilizadora, molas helicoidais e amortecedores hidráulicos pressurizados, na traseira

Freios: Disco ventilado nas quatro rodas com sistema antitravamento (ABS)

Tanque: 60 litros

Preço sugerido: R$ 72.360,00