enkontra.com
Fechar busca

Automóveis

Nuvolari Quattro é um modelo conceitual

  • Por Redação O Estado Do Paraná
Nuvolari Quattro tem faróis
e lanternas inovadoras.

Um grande cupê de 2+2 lugares e motor V10, cujo nome homenageia o piloto italiano Tazio Nuvolari (1892-1953), o último a vencer uma prova de Grande Prêmio (a F-1 da época) com um carro Auto Union, em 3 de setembro de 1939, é a atração da Audi no 73.º Salão de Genebra. Por enquanto é apenas um modelo conceitual, mas a versão de produção esperada para o 2004 ou 2005 deve ser praticamente idêntica.

O Nuvolari Quattro parece um grande TT, com seus 4,80 metros de comprimento, 1,92 m de largura e 1,41 m de altura. A enorme grade dianteira remete ao conceito Rosemeyer de 16 cilindros em W apresentado em 2000, enquanto as estreitas colunas traseiras, com a parte superior mais larga, lembram as do Mercedes CL. O conjunto é marcante e imponente.

Uma nova tecnologia de LEDs de alto poder de iluminação é adotada nos faróis: são 18 diodos em cada lado, muito duráveis e com consumo de energia 90% menor que o de lâmpadas comuns. O sistema prevê também o direcionamento do facho em curvas. Os LEDs são usados também nas lanternas traseiras. Sensores infravermelhos detectam a presença de neblina, jatos d?água (ao trafegar em piso molhado) ou mesmo de poeira nas lentes. Os diodos assumem então maior luminosidade para compensar esses fatores.

As portas do Nuvolari não possuem molduras nas janelas e os quatro vidros podem ser baixados totalmente. Para acesso ao interior, maçanetas “aparecem” tão logo o veículo seja destravado pelo sistema eletrônico. Por dentro, o revestimento dos bancos (quatro individuais com cintos integrados) em couro combina tons claros e pretos e há apliques em alumínio. O câmbio automático Tiptronic, que pode ser operado manualmente, não possui conexões mecânicas na alavanca no console e nos comandos atrás do volante.

O motor V10 de 5,0 litros é basicamente o mesmo do Lamborghini Gallardo, mas com dois turbocompressores e injeção direta de combustível FSI (sistema com que a Audi venceu a 24 Horas de Le Mans em 2002), que levam a potência de 500 para 600 cv. O gigantesco torque máximo de 76,5 m.kgf surge a apenas 2.000 rpm. A Audi anuncia aceleração de 0 a 100 km/h em somente 4,1 segundos, sendo a velocidade máxima limitada a 250 km/h. O Nuvolari traz ainda controle automático de velocidade com detecção de veículo ou obstáculo à frente.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas