A (quase) autobiografia do ator Alexandre frota está dando o que falar. “Identidade Frota” promete relevar muitos “causos” e casos do ator, sempre famoso por ser polêmico e nada amistoso.

Em entrevista à Folha para promover o livro, Frota disparou: “parece que minha vida começou depois dos filmes pornô”. Ele nunca escondeu o que fez, nem mesmo vício nas drogas ou o envolvimento com organizações criminosas da Europa.

Obra

O livro vem como forma de comemoração pelos seus 50 anos, que acontece em outubro, mostra um acerto de contas entre o “protagonista” e sua própria vida. “Dos 45 em diante, você começa a entender que tem mais passado que futuro”, disse.