A Fundação Cultural de Curitiba (FCC) está iniciando o projeto Série de música de câmara na Capela Santa Maria. As primeiras apresentações serão com o Duo Primo, formado pelos músicos Danilo Koch Júnior e Fernando Deddos, cuja mistura de percussão com instrumento de sopro os tornam únicos no Brasil. O show acontece hoje, às 20h.

Apostando em músicas contemporâneas e latino-americanas, sem esquecer do gênero clássico, o duo garante que são um dos poucos a promover o encontro da percussão erudita, com marimba, tímpanos, vibrafone e outros instrumentos de percussão melódico, com o eufônio, também conhecido como bombardino.

“Nosso repertório é bem amplo. Apresentamos peças de Piazolla, voltada para o popular, como também tocamos Villa-Lobos, considerado clássico. Além disso, há músicas que nós compomos, músicas voltadas para esses instrumentos, como a Four dialogues for euphonium and marimba, do compositor Samuel Adler e peças do nosso professor Harry Crowl. Há ainda espaço para que a gente improvise alguma coisa”, explica o eufonista Deddos.

Para realizar a apresentação, eles garantem que fizeram uma grande pesquisa. “Nos preparamos da melhor maneira para este evento. Pesquisamos os gêneros musicais citados, adaptamos obras que não foram originalmente criadas para estes instrumentos, etc. Criamos também algo inusitado, como partitura para a luz, que também faz parte da apresentação”, conta o percussionista Koch Júnior.

Apesar do duo ter sido formado em 2007, os músicos se conhecem de longa data, uma vez que são primos, como sugere o nome do projeto. “Nós sempre tocávamos juntos em bandas da escola e coisas do gênero em União da Vitória (PR) e em Porto União (SC), nossas cidades natais. Nós viemos para Curitiba, onde a gente se graduou em música. Como já nos conhecemos muito bem, resolvemos criar esse duo. Desta união, já ganhamos o prêmio nacional Furnas geração musical III, no Rio de Janeiro, em abril do ano passado. Estamos com ideias para gravar um disco, realizar apresentações aqui no Brasil e também na Europa, onde esse tipo de música tem uma boa saída, algo que, infelizmente, não ocorre no nosso País, pois existe a necessidade de se investir em um projeto para poder se apresentar”, revela Deddos.

Mesmo com a agenda apertada de ambos, os dois garantem que conseguem conciliar todas as atividades para achar tempo para o duo. “Eu estou me dividindo entre Curitiba e Colônia, na Alemanha. O Fernando tem diversas atividades também. Mas sempre achamos espaço para a gente levar adiante este duo”, diz o percussionista.

Os músicos contam que estão tranquilos para a apresentação, pois puderam se preparar bem. “Tivemos bastante tempo para trabalhar. A estrutura do local ajudou também. Já nos apresentamos em Curitiba antes e o público apreciou bastante a nossa música e estamos certos que irão gostar novamente do nosso show”, encerram.

Serviço

Duo Primo. Hoje, às 20h, na Capela Santa Maria (Rua Conselheiro Laurindo, 273, Centro). Ingresso: R$ 10 e R$ 5 (com 1 kg de alimento).