América colocou Aílton Graça no olho do furacão. Feitosa é um dos personagens mais carismáticos do núcleo mais popular da novela das oito da Globo. Isso também por conta da grande humanidade que tem: ao mesmo tempo que é simpaticão e espirituoso, Feitosa é ingênuo e cabeça-dura. A identificação dos espectadores se expressa pela abordagem nas ruas. Não só pelo número, que é significativo, mas pelo gênero. Segundo o ator, o público não se cansa de dar os mais variados conselhos para Feitosa, que está de casamento marcado com Creusa, personagem de Juliana Paes na novela de Glória Perez. "Eles me dizem para não me casar com a Creusa. Que devo tomar muito cuidado, pois ela é uma falsa e não vai me trazer felicidade", conta, entre risos.

Empolgado com o reconhecimento, Aílton ressalta que finalmente está tendo a chance de mostrar serviço. Isso porque as participações especiais que fez em A Diarista e em Carandiru – Outras Histórias não davam para desenvolver as diversas facetas de seus personagens. "Sempre ficava o gostinho de quero mais. Fazer a novela desde o início é outra coisa, já que estou sempre procurando novas nuances para realçar", compara.

Nome: Aílton Graça.

Nascimento: 9 de setembro de 1964, em São Paulo.

Primeira aparição na tevê: Em Rainha da Sucata, da Globo, de 1990. "Na época, cheguei a ficar com as pernas bambas quando recebi um elogio do Jorge Fernando."

Momento marcante: "Ter jogado uma partida de futebol contra o Polytheama, time de Chico Buarque".

Atuação inesquecível: Cacá de Carvalho em Meu Tio o Iauaretê, adaptação do texto de Guimarães Rosa. "Na tevê, adorei a Renata Sorrah como a Nazaré."

Ao que gosta de assistir na tevê: "Gosto de quase tudo, até mesmo de filmes ‘trash’".

Ao que não assiste nunca: "Programas que abusem do sensacionalismo".

O que gostaria que fosse reprisado: Shazan e Xerife, da Globo. "Faz parte da minha adolescência."

O que falta na tevê: "Outras emissoras que também produzissem minisséries".

Ator: Stênio Garcia.

Atriz: Renata Sorrah.

Com quem gostaria de contracenar: "Tem tanta gente que acabo deixando muitos de fora".

Personagem dos sonhos: "Interpretar, no cinema, uma figura importante, como Lima Barreto e Zumbi".

Mania: "Sou perfeccionista. Às vezes, sou um pouco chato com isso".

Qualidade: Sensibilidade.

Defeito: "Não confrontar, como deveria, determinados assuntos e situações".

Vexame: "Não consigo lembrar".

Projeto para o futuro: "Fazer mais filmes e novelas".