O Napoli empatou por 1 a 1 com o Milan, neste domingo, no clássico disputado em Milão, e manteve a vantagem de quatro pontos que já tinha em relação ao rival no Campeonato Italiano. A equipe napolitana chegou aos 63 pontos, contra 59 do rubro-negro, que esperava aproveitar o fator casa para ficar mais próximo na tabela.

O resultado acabou sendo ruim para o Milan também pelo fato de que a terceira posição no Italiano não garante a vaga direta na fase de grupos da próxima Liga dos Campeões, diferentemente do que acontece com o vice-líder, que não precisará disputar um estágio classificatório para esta fase da competição continental.

O empate, entretanto, não foi o melhor dos resultados para o Napoli, que está oito pontos atrás da líder Juventus e poderá ver a equipe de Turim aumentar ainda mais esta vantagem nesta segunda-feira, quando o primeiro colocado enfrentará a Lazio, em Roma.

No clássico deste domingo, o Milan saiu na frente aos 29 minutos, quando Robinho iniciou jogada pela esquerda em trama ofensiva que resultou no gol de Flamini, que chutou da entrada da área no canto esquerdo baixo do goleiro De Sanctis.

O time napolitano, porém, empatou logo em seguida, aos 33 minutos. Hamsink investiu no ataque pela esquerda e cruzou para Pandev receber na cara do gol e chutar de primeira para as redes.

Na etapa final, o Milan foi mais ofensivo e quase marcou o segundo gol. El Shaarawy, que substituiu Robinho, chegou a desperdiçar duas boas chances. A expulsão de Flamini, entretanto, acabou diminuindo a força ofensiva da equipe, que no final das contas se viu no lucro com o empate obtido com um homem a menos em campo.