Ex-jogador do Paraná Clube, o atacante Silvinho, de 28 anos, entrou com uma ação contra o Tricolor nesta semana. O atleta pede perto de R$ 400 mil por cinco meses de atrasos salariais, além do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e multa rescisória. A ação foi protocolada na 17ª Vara do Trabalho.

Na ação, Silvinho afirma que não recebeu os salários de novembro e dezembro de 2018. Os seus vencimentos mensais eram de R$ 48 mil. Já de direitos de imagem, o clube ficou devendo outubro, novembro e dezembro, todos no valor de R$ 32 mil. O atleta ainda pede férias e 13º salário proporcionais. Ou seja, o gasto era de R$ 80 mil em todo mês.

+ Leia também: Tricolor pode enfrentar o Coxa em São José dos Pinhais

O atacante também cobra R$ 126 mil de verbas rescisórias e R$ 48 mil de multa. Por fim, de FGTS, a quantia devida é de R$ 14.400,00. O valor total requerido pelo jogador é de R$ 380.400,00. O Paraná Clube já foi notificado.

Assim como outras ações realizadas após março de 2018, o processo de Silvinho, caso seja julgado procedente ao jogador, entrará no Ato Trabalhista. A intervenção judicial foi renovada por mais um ano e destina 20% do orçamento total do clube para o pagamento de dívidas trabalhistas.

+ Mais na Tribuna: Dado Cavalcanti estuda mexer no time após derrota

A Tribuna do Paraná, na época, havia divulgado o início dos salários atrasados no Tricolor, que não se pronunciou sobre a questão. A equipe fez uma campanha vexatória no Campeonato Brasileiro e foi rebaixada com seis rodadas de antecedência.

Em entrevista recente para a rádio Banda B, o presidente Leonardo Oliveira afirmou que a direção estava cumprindo com suas obrigações. Vale lembrar que os laterais Junior e Igor foram liberados para o CRB em um acordo em que eles abriram mão dos débitos para irem de graça antes do término de seus contratos.

+ Viu essa? Ninguém se candidata a presidente da FPF

Com a camisa paranista, Silvinho realizou 30 jogos e marcou três gols. Ele foi artilheiro da equipe na Série A por muito tempo, mas o volante Alex Santana, na reta final, o ultrapassou com quatro gols. Nesta temporada, o atacante acertou com o Albirex Niigata, do Japão.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do Trio de Ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!