No momento técnico mais complicado desde que voltou ao Paraná Clube, o meia João Pedro não só tem o respaldo total do treinador Matheus Costa, como vai ter uma responsabilidade maior na partida deste sábado (10), às 19h, contra o Vitória, no Barradão, em Salvador. Em vez de jogar aberto pelo lado do campo, o armador vai ter mais liberdade para atuar.

+ Fala, profe: Matheus Costa pede Tricolor mais atento

João começou a Série B jogando como articulador central, com Alesson pela direita e Ramon pela esquerda no 4-2-3-1 montado por Matheus Costa. Com Matheus Anjos e depois Bruno Rodrigues, o meia foi deslocado para a direita e o Tricolor teve seus melhores momentos na temporada, saindo de uma posição intermediária para a luta pela liderança da Série B do Campeonato Brasileiro.

+ Recuperação: Paraná usou semana para arrumar a casa

Após a lesão de Matheus Anjos, o treinador paranista decidiu apostar em Fernando Neto mais adiantado, mantendo João Pedro pela direita. A saída do camisa 10 coincide com o início da queda técnica do companheiro, que chegou a ser vaiado no empate com o América-MG, sábado passado (3).

+ Confira a classificação da Série B!

Agora, sem Bruno Rodrigues e também sem Jenison, Matheus Costa decidiu recolocar João Pedro no meio-campo, abrindo Caio Monteiro e Rodrigo Porto nas extremas. Assim, a escalação do Paraná Clube terá Thiago Rodrigues; Léo Príncipe, Eduardo Bauermann, Rodolfo e Guilherme Santos; Luiz Otávio, Fernando Neto, João Pedro, Rodrigo Porto e Caio Monteiro; Ramon.

+ Atenção! Você está a um clique de ficar por dentro do que acontece em Curitiba e Região Metropolitana. Tudo sobre futebolentretenimentohoróscopo, nossos blogs exclusivos e os Caçadores de NotíciasVem com a gente!