O Washington Wizards deu um passo importante para se firmar como segundo colocado do Leste na rodada de quarta-feira da NBA. Mesmo atuando fora de casa, a equipe derrotou o Chicago Bulls por 105 a 99 e é a vice-líder da conferência, com 27 vitórias. O Bulls caiu para quarto, com 26 triunfos.

Apesar da derrota, foi o time da casa que começou com tudo e chegou a ir para o intervalo com vantagem de seis pontos, graças ao ótimo primeiro tempo de Derrick Rose. Mas já no terceiro quarto o Wizards voltou melhor, conseguiu a virada e depois só administrou a diferença no último período para sair com a vitória.

O cestinha da partida foi justamente Rose, que terminou com 32 pontos, sendo 20 somente no primeiro tempo. Pau Gasol e Jimmmy Butler ainda anotaram 13 pontos cada. Pelo Wizards, destaque para os 22 pontos de Paul Pierce e os 21, mais nove assistências, de John Wall. O brasileiro Nenê terminou com 13 pontos e ainda deu oito assistências.

Mas o Wizards é apenas o segundo colocado do Leste porque o Atlanta Hawks segue imbatível. Uma das grandes surpresas da temporada, a equipe da Geórgia emendou sua décima vitória seguida na quarta-feira, ao passar com tranquilidade pelo combalido Boston Celtics por 105 a 91, mesmo fora de casa. Já são 31 triunfos no total para o Hawks.

É a primeira vez em 17 anos que o time de Atlanta consegue dez triunfos seguidos. E o resultado desta vez foi conseguido apesar das ausências de Al Horford e Kyle Korver, poupados. DeMarre Carroll e Jeff Teague, com 22 pontos cada, além de Paul Millsap, com 18 pontos e 10 rebotes, assumiram o controle do jogo. Pelo Celtics, destaque para os 17 pontos de Avery Bradley.

No Oeste, quem segue dando as cartas é o Golden State Warriors. A equipe tem a melhor campanha da NBA, com 31 triunfos em 36 jogos, e conseguiu sua oitava vitória seguida na quarta-feira, ao passar pelo Miami Heat por 104 a 89, em casa. O destaque mais uma vez ficou por conta do armador Stephen Curry, autor de 32 pontos, sendo 21 em bolas de três. O brasileiro Leandrinho atuou por 18 minutos e foi bem, terminando com nove pontos.

Outro brasileiro que esteve em quadra foi Tiago Splitter. Também com nove pontos, ele contribuiu para a vitória do San Antonio Spurs, que encerrou uma sequência de cinco triunfos seguidos do Charlotte Hornets ao fazer 98 a 93, mesmo fora de casa. O grande destaque do Spurs foi o argentino Manu Ginóbili, autor de 27 pontos. Mas o cestinha saiu do lado do Hornets: Kemba Walker, com 28.

Ainda pelo Oeste, em duelo direto por vaga nos playoffs, o Los Angeles Clippers derrotou o Portland Trail Blazers por 100 a 94, com 25 pontos de Jamal Crawford e 23 pontos e 10 assistências de Chris Paul. O Memphis Grizzlies passou pelo Brooklyn Nets por 103 a 92, com 20 pontos de Zach Randolph. Já o Houston Rockets foi surpreendido e caiu diante do Orlando Magic por 120 a 113, apesar dos 26 pontos e 10 assistências de James Harden.

Confira os resultados de quarta-feira na NBA:

Charlotte Hornets 93 x 98 San Antonio Spurs

Orlando Magic 120 x 113 Houston Rockets

Brooklyn Nets 92 x 103 Memphis Grizzlies

Detroit Pistons 94 x 105 New Orleans Pelicans

Toronto Raptors 100 x 84 Philadelphia 76ers

Chicago Bulls 99 x 105 Washington Wizards

Boston Celtics 91 x 105 Atlanta Hawks

Denver Nuggets 114 x 107 Dallas Mavericks

Golden State Warriors 104 x 89 Miami Heat

Portland Trail Blazers 94 x 100 Los Angeles Clippers

Acompanhe as partidas da NBA nesta quinta-feira:

Milwaukee Bucks x New York Knicks

Houston Rockets x Oklahoma City Thunder

Los Angeles Lakers x Cleveland Cavaliers