Rafael Nadal quase não teve trabalho para garantir sua vaga na terceira rodada do US Open. Atual campeão do torneio, o tenista espanhol contou com o abandono de seu adversário, o francês Nicolas Mahut, para avançar nesta sexta-feira. Agora, ele irá jogar contra o argentino David Nalbandian, que eliminou o croata Ivan Ljubicic por 3 sets a 1, com parciais de 6/4, 1/6, 6/3 e 6/2.

Número 2 do mundo, Nadal tinha vencido os dois primeiros sets, ambos por 6/2, quando Mahut resolveu desistir do jogo por causa de lesão abdominal, nesta sexta-feira, em Nova York, nos Estados Unidos. Assim, o espanhol precisou de apenas 1 hora e 21 minutos para superar o francês que ocupa apenas o 88º lugar no ranking e avançar no quarto e último torneio do Grand Slam na temporada.

Enquanto Nadal avançou com facilidade, o escocês Andy Murray sofreu para chegar à terceira rodada do US Open. Número 4 do mundo, ele conseguiu nesta sexta-feira uma dura virada sobre o holandês Robin Haase, por 3 sets a 2, com parciais de 6/7 (5/7), 2/6, 6/2, 6/0 e 6/4. Agora, jogará contra o espanhol Feliciano Lopez, que eliminou o canadense Vasek Pospisil por 5/7, 6/4, 7/6 (7/3) e 7/6 (7/5).

Outro favorito que venceu nesta sexta-feira foi o argentino Juan Martin del Potro, que foi campeão do US Open em 2009 e não disputou a edição do ano passado por causa de contusão. Cabeça de chave número 18 do torneio, ele bateu o compatriota Diego Junqueira por 6/2, 6/1 e 7/5 e vai enfrentar agora o francês Gilles Simon, que ganhou do espanhol Guillermo Garcia-Lopez por 6/4, 6/7 (4/7), 7/5 e 6/3.

Em outros resultados do dia, o norte-americano Donald Young bateu o suíço Stanislas Wawrinka por 7/6 (9/7), 3/6, 2/6, 6/3 e 7/6 (7/1), o russo Igor Kunitsyn ganhou do austríaco Juergen Melzer por 3/6, 6/3, 1/6, 6/2 e 7/6 (7/5), o norte-americano John Isner venceu o compatriota Robby Ginepri por 6/4, 6/3 e 6/4 e o argentino Juan Ignacio Chela eliminou o belga Steve Darcis por 6/2, 6/4 e 6/4.