Mesmo sem atuar bem, o Flamengo conquistou sua segunda vitória na Copa Sul-Minas-Rio. Jogando no Espírito Santo, mas como mandante, bateu o América-MG por 1 a 0, pela segunda rodada. A atuação, entretanto, não deixou a torcida satisfeita. Também o técnico Muricy Ramalho não gostou da apresentação, mas ao menos pôde comemorar a vitória.

“Valeu pelo resultado, e outra vez nosso time não tomou gol, e isso é importante. Também vínhamos de uma derrota no clássico e é importante essa vitória, para ficar perto da classificação, que está próxima. É um torneio importante, e a gente tem que classificar”, disse Muricy. Com seis pontos, o Flamengo lidera o Grupo 3, com seis pontos, contra três de Figueirense e América-MG.

O próximo compromisso pela Sul-Minas-Rio é apenas no dia 9 de março e, até lá, o Flamengo faz quatro partidas pelo Carioca. Nos 31 primeiros dias da temporada oficial, vai realizar nove partidas. Um desgaste que, segundo Muricy Ramalho, interfere no desempenho do time.

“Claro a gente tem que jogar um pouco mais, mas pouco a pouco os jogadores começam a se soltar. A gente vem jogando e viajando, jogando e viajando. Isso também complica um pouquinho, mas a gente está no caminho”, comentou ele.

No domingo, o Flamengo, que vem de derrota para o Vasco no fim de semana passado, faz outro clássico, contra o Fluminense. O rival vem de vitória por 4 a 3 para o Cruzeiro, também na quarta-feira à noite, e, assim como o Flamengo, chega desgastado para a partida que será realizada em Brasília.

“A gente espera que as duas equipes se recuperem bem dos jogos que fizeram hoje (quarta), porque jogo com viagem pesa bastante. Esperamos um bom jogo tecnicamente, principalmente, porque têm jogadores técnicos dos dois lados. Vão sofrer fisicamente dos dois lados”, opinou.