A Alemanha começou a treinar para a Copa do Mundo com vários de seus principais jogadores em mau estado físico. Alguns porque se machucaram poucas semanas antes do torneio – caso do goleiro Neuer e do lateral Lahm – e outros porque foram prejudicados por lesões durante a última temporada – isso aconteceu, por exemplo, com o atacante Klose e os volantes Khedira e Schweinsteiger. Agora, no entanto, está tudo resolvido, de acordo com Joachim Löw. O comandante do time alemão tem demonstrado bom humor em sua passagem por Santa Cruz Cabrália, no litoral baiano, e uma das razões para isso é o fato de poder contar com os 23 jogadores que trouxe para o Brasil.

“Não tenho preocupações com lesões”, disse Löw, em entrevista coletiva concedida no começo da tarde desta quinta-feira. “Os jogadores estão todos bem e isso me deixa satisfeito.”

Um dos principais motivos de satisfação do treinador é a recuperação de Neuer. O jogador do Bayern de Munique fez apenas atividades leves nos três primeiros dias de trabalho da seleção na Bahia, já que ainda estava se recuperando de uma lesão no ombro direito, mas treinou normalmente na manhã desta quinta-feira, como já havia feito no dia anterior, e foi confirmado por Löw na estreia da Alemanha na Copa, contra Portugal, na segunda-feira, em Salvador.

“Neuer já está treinando normalmente, então não vejo qualquer obstáculo para que ele esteja em campo na partida contra Portugal”, afirmou o treinador.

Dizendo-se muito contente com as instalações que foram colocadas à disposição de sua equipe em Santa Cruz Cabrália – um centro de treinamento, chamado Campo Bahia, foi construído especialmente para a seleção alemã -, Löw deixou claro que considera excelente a decisão de levar os jogadores para treinar em um lugar quente – a ideia inicial dos alemães era montar sua base no interior de São Paulo.

“A decisão de vir para cá, e não para São Paulo, tem nos ajudado a nos adaptar ao clima quente e úmido que vamos encontrar na primeira fase”, disse Löw. Além de Salvador, a Alemanha vai jogar em Fortaleza e Recife na etapa de grupos da Copa. “Assim, nós não seremos surpreendidos pelo calor e a umidade que vamos encontrar, até porque temos treinado no horário do jogo”, completou ele, lembrando que a partida contra Portugal será às 13 horas de segunda-feira.