O Londrina cumpriu o dever de casa, ontem, no estádio do Café. Venceu o Mogi Mirim, por 4 x 2, e saltou cinco posições na classificação da Série B do Campeonato Brasileiro – era o 12º, é o sétimo, com 23 pontos.

A determinação do Tubarão em se impor nos primeiros minutos esbarrou na falta de oportunismo de alguns, como o meia Márcio Alan. Dentro da área, tendo só o goleiro Marcelo Galvão à frente, ele mandou sobre o gol, aos 13.

E dando razão ao ditado “quem não faz, toma”, o Londrina sofreu um gol aos 19?. O atacante Clóvis aproveitou um cruzamento da esquerda e fez 1 x 0.

A desvantagem não desnorteou o Londrina. O time manteve a calma e empatou aos 27?, após um cruzamento de Fumaça pela direita. Marcelo Galvão espalmou e Valdeir concluiu, aproveitando a sobra.

No segundo tempo, o Londrina demorou a fazer efeito. Não faltou pressão, mas também não faltaram boas defesas de Marcelo Galvão. Aos 20?, o técnico Roberto Fernandes recorreu a “arma” que funcionou no 2 x 2 contra o Botafogo. Ele escalou Anderson Lobão no lugar de Márcio Alan. Contra o alvinegro carioca, o atacante também estava na reserva e entrou para empatar.

Lobão funcionou muito, novamente. Mas antes que ele brilhasse, Marcelo Silva cabeceou e marcou o segundo, aos 30?.

Aos 35?, os cerca de três mil torcedores silenciaram no Café. Gritos só os dos jogadores do Mogi que abraçaram Joel pelo segundo gol.

A festa do Sapão durou pouco. Um minuto depois, Anderson Lobão subiu mais que a zaga paulista e fez o terceiro. O quarto (e o oitavo dele na Série B), o artilheiro marcou aproveitando uma sucessão de rebote na área.

Agora, a agenda do Londrina abre-se para dois nordestinos: América potiguar e Ceará. O confronto com o primeiro será em Natal, domingo próximo, e contra os cearenses, dia 24, no estádio do Café.

Para estes jogos, a torcida do Londrina espera sentir novos arrepios quando o alto-falante anunciar: “Entra Anderson Lobão, sai…”.

Londrina 4×2 Mogi Mirim

Londrina: Marcelo; Cassiano, Marcão, André Turatto e Fabinho (Adavílson); Dário, Germano, Valdeir (Marcian) e Márcio Alan (Anderson Lobão); Marcelo Silva e Fumaça. Técnico: Roberto Fernandes.

Mogi Mirim: Marcelo Galvão; Passos, Paulinho, Joel e Marcelo Xavier (Fábio Valle); Goiano, Batista, Joílson e Renato (Leandro); Clóvis (Fabrício) e Sandro Silva. Técnico: Jorge Raulli. Local: Café (Londrina).

Gols: Clóvis, 19, Valdeir, 27 do 1º; Marcelo Silva, 30, Joel, 35, Anderson Lobão, 36 e 40 do 2.º.

Árbitro: Fabrício Neves Correia (RS).

Assitentes: Marcelo Oliveira e Silva (RS) e José Amilton Pontarolo (RS).

Cartões amarelos: Goiano, Passos, Cassiano e Marcian.