O Livorno, lanterna do Campeonato Italiano, anunciou nesta terça-feira (29) a demissão do técnico Giancarlo Camolese. Ele não resistiu à derrota por 4 a 1 para o Milan, no domingo, que manteve a equipe com 30 pontos e apenas seis vitórias em 35 partidas, a três rodadas para o fim da competição.

O curioso é que, para substituir Camolese, a diretoria do clube contratou Fernando Orsi, que já havia dirigido o time na temporada 2007/08 e foi demitido depois de não vencer uma só partida entre as sete em que esteve à frente da equipe.

Com 30 pontos, o Livorno está a três do Empoli, 17º colocado e primeiro clube que não seria rebaixado. Também lutam contra o descenso o Parma, com 31 pontos, a Reggina, com 33, o Torino, com 34, e – com mais chances de ficar na Série A -, Cagliari e Catania, com 35.

Nas três últimas rodadas, o Livorno vai a Bérgamo enfrentar a já desmotivada Atalanta, e depois tem dois confrontos com adversários diretos na parte de baixo de tabela – pega o Torino em casa e o Empoli, fora.