Apontado como jogador promissor, o jovem Harrison, 19 anos, tem conseguido aproveitar a chance dada pela comissão técnica e diretoria atleticana.

Em janeiro deste ano, ele foi chamado para participar da pré-temporada rubro-negra junto ao grupo principal e, a partir daí, iniciou sua caminhada no futebol profissional. Até o momento, vestiu a camisa vermelha e preta em 13 jogos e marcou 4 gols.

Inclusive, ele foi o autor do gol atleticano em São Luís (Maranhão), diante do Sampaio Corrêa, semana passada pela Copa do Brasil. O gol facilita um pouco o árduo trabalho da equipe no jogo de volta, hoje, na Vila Capanema.

Harrison está no Atlético desde 2004. Chegou ao clube com apenas 12 anos, vindo de uma escolinha de futebol situada na pequena Santa Fé, cidade do norte do Paraná.

O atleta participou de todas as categorias de formação do Atlético Paranaense até chegar ao profissional. Conseguiu títulos no infantil, juvenil, juniores e, agora na equipe principal, espera manter o mesmo ritmo de conquistas.

Harrison é tímido e de poucas palavras. Prefere mostrar suas qualidades técnica no campo de jogo. Com a bola nos pés, o jogador de baixa estatura se transforma e a timidez desaparece completamente. São dribles desconcertantes e arrancadas em direção ao gol. Finalizações de longa e curta distância também integram o repertório do atleticano.

O bom início na equipe profissional é encarado com naturalidade pelo jogador. “Acho que isso é fruto do trabalho que venho desenvolvendo. Vinha trabalhando muito forte para chegar onde estou hoje. Sei que não conquistei nada, mas essa fase está sendo muito boa pra mim”, analisou.

Das 13 partidas que disputou, oito atuou como titular. Para o garoto, as apresentações foram boas. No entanto, ele ressalta que tem muito a melhorar e aprender.