enkontra.com
Fechar busca

De Letra

Jeter bate Fraser-Pryce e vence 100m em Birmingham

Atleta norteamericana venceu o duelo contra a jamaicana

Em mais uma revanche nos 100 metros, a norte-americana Carmelita Jeter voltou a vencer a jamaicana Shelly-Ann Fraser-Pryce, atual bicampeã olímpica, neste domingo, na etapa de Birmingham da Diamond League.

Medalha de prata nos Jogos de Londres, Jeter já havia levado a melhor na etapa de Lausanne, na quinta-feira. Em solo inglês, a americana venceu com o tempo de 10s81, à frente dos 10s90 da rival. Apesar do novo revés, a jamaicana segue na liderança do ranking da competição, com 11 pontos, dois a mais que Jeter.

Sem Usain Bolt, a prova dos 200 metros contou com a vitória de outro jamaicano, Nickel Ashmeade. Ele marcou 20s12 e deixou o americano Tyson Gay em segundo, com 20s21. O também americano Wallace Spearmon chegou em terceiro, com 20s23.

Nos 110 metros com barreiras, o campeão olímpico Aries Merritt confirmou o favoritismo e venceu também em Birmingham, com 12s95. Jason Richardson repetiu o segundo lugar, mesma posição em Londres, com 12s98. E David Oliver completou o pódio todo americano, com 13s28.

Já o britânico Greg Rutherford, campeão em Londres no salto em distância, não conseguiu repetir a grande atuação nos Jogos. Com um salto de 7,88 metros, ficou apenas em terceiro lugar, atrás do russo Aleksandr Menkov (8,18m) e do americano Christian Taylor (7,95m).

A russa Mariya Savinova, por sua vez, não deu chances às rivais e fez valer seu favoritismo nos 800 metros. Campeão olímpica, mundial e europeia, ela venceu com o tempo de 2min00s40. A queniana Pamela Jelimo chegou em segundo, com 2min01s43, e a britânica Marilyn Okoro levou o bronze, com 2min01s96.

No arremesso de peso, a neozelandesa Valerie Adams faturou o ouro, com a marca de 20,52 metros. A atleta herdou a medalha de ouro em Londres depois que a bielo-russa Nadezhda Ostapchuk foi flagrada no teste antidoping e perdeu o título olímpico. A americana Michelle Carter ficou com a prata em Birmingham, com 18,71m, seguida da trinitina Cleopatra Borel, com 18,36m.

Mas um dos maiores destaques da etapa britânica da Diamond League foi o local Mo Farah. Ele levantou a torcida ao vencer a prova das 2 Milhas, que não integra a programação das outras etapas da Diamond League, com o tempo de 8min27s24. Farah conquistou a torcida britânica ao faturar a medalha de ouro nos Jogos de Londres nas provas dos 5.000 e dos 10.000 metros.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas