Quando retornar das férias, e com o início do Campeonato Paranaense de 2007, a equipe do J. Malucelli terá o prazer de reinaugurar o gramado do estádio municipal do Pinhão, pertencente à Prefeitura de São José dos Pinhais. Uma equipe de agrônomos está trabalhando permanentemente na recuperação do campo, desde o início de dezembro.

A recuperação foi necessária, porque o estádio recebeu mais de 300 jogos entre amadores, profissionais do Jotinha e treinos, durante 2006.

A Federação Paranaense de Futebol recomendou a reforma total, sob pena de não liberar o local para o estadual.

Depois de passar por uma descompactação e adubação, o campo recebeu a troca de mais de 500 metros quadrados de grama São Carlos. Em seguida, houve cobertura de terra vegetal, além da etapa atual, que é a aplicação de calcário.

A última tarefa será o controle de pragas e a passagem do rolo nivelador, que é para reparar as possíveis saliências do terreno.

Segundo Osmar, os trabalhos estarão prontos entre os dias 3 e 6 de janeiro. Este é o sexto ano consecutivo que o gramado é reformado no final do calendário esportivo, que coincide com as férias escolares e futebolísticas.

A comissão de vistórias da Federação Paranaense de Futebol deverá voltar ao Pinhão, para liberar o estádio.

A estréia do Jotinha, dia 14 de janeiro, será diante do Atlético. Enquanto os jogadores estão de férias, a diretoria trabalha para reforçar o time. Alguns atletas interessam a outros clubes, como é o caso do meia-atacante William, que poderá atuar pelo Coritiba. Na negociação com o Alviverde, a equipe do Alto da Glória colocaria jogadores que não estariam nos planos do treinador Gilberto Pereira.