A seleção da Holanda desembarcou no aeroporto de Salvador no início da tarde desta quinta-feira e seguiu para o resort onde se hospedará até a tarde de sábado, na praia de Stella Maris. Não havia torcida à espera dos jogadores que, ao chegar ao hotel, não pararam para entrevistas.

O treinador Louis van Gaal marcou para as 18h o treino secreto em que deverá testar o substituto do volante De Jong, fora da Copa por causa do rompimento da musculatura da virilha na última partida, a vitória por 2 a 1 contra o México pelas oitavas de final. As principais opções do técnico são o volante Jonathan de Guzman e o zagueiro Bruno Martins Indi. O treinamento será no Estádio de Pituaçu.

Se optar por De Guzman, titular nas duas primeiras partidas do Mundial e desde então fora do time, inicialmente suspenso por ter recebido dois cartões amarelo, Van Gaal manterá o esquema 4-3-1-2, empregado no início do jogo com o México.

Se Martins Indi for o escolhido, o técnico terá preferido o sistema de sucesso empregado no início da Copa, com três zagueiros, dois laterais e dois volantes, formando uma espécie de ferrolho para liberar as investidas do meia ofensivo Wesley Sneidjer e dos atacantes Arjen Robben e Robin Van Persie. A Holanda enfrenta a Costa Rica às 17h de sábado na Arena Fonte Nova, em Salvador.