São Paulo – Washington festejou a vitória da Lusa e os dois gols contra o São Paulo, quinta-feira, na concentração, acordado até 4h30 de ontem, "sonhando de olhos abertos com as jogadas". Aos 25 anos, caiu nas graças do torcedor e negocia sua permanência no Canindé para o segundo semestre, quando o clube disputa a série B do brasileiro.

Os minutos de fama de Washington o levaram a programas de TV e a uma visita à mulher e à filha de pouco mais de um mês, Isadora que não via há quase uma semana por causa da série de concentrações. O atacante, que mora na Vila Carrão, Zona Leste, em um apartamento mobiliado e cedido pela Portuguesa, não jogará contra o Mogi Mirim, amanhã, no Canindé. Está suspenso. Mas garante que vai aproveitar a folga para rever os gols pela televisão. Até cansar.