O primeiro negro campeão da Fórmula 1, Lewis Hamilton, declarou nesta quarta-feira (5) estar “muito feliz e orgulhoso” com a vitória do democrata Barack Obama na disputa presidencial dos EUA.

“Tentei acompanhar o andamento das eleições o máximo que pude. Tinha muito respeito por ambos os candidatos”, afirmou Hamilton.

O piloto da McLaren evitou comparações entre sua conquista no domingo e o triunfo de terça-feira (4) de Obama, o primeiro presidente negro dos Estados Unidos.

“O mais importante neste momento é abrir o mundo das corridas a todos aqueles que tenham paixão. Quero ser um modelo positivo para os outros jovens, porque não acredito que haja muitos pilotos jovens em atividade”, comentou.