Um dos primeiros reforços anunciados pelo Guarani para a temporada de 2020, o zagueiro Ednei já deixou o clube de Campinas. A saída foi confirmada pelo clube nesta segunda-feira. Através de um comunicado para a imprensa, a direção diz que chegou a um acordo com o jogador para que o contrato fosse rescindido porque ele “não conseguiu se recuperar de uma lesão preexistente”.

Ednei revelou que tinha um pré-contrato com o Guarani justamente por conta dessa lesão, mas que a saída se deve, principalmente, porque recebeu uma proposta de fora do país. “É praticamente verdade (rescisão contratual para acertar com um time da Arábia Saudita). Eu ainda não tinha um contrato assinado com o Guarani, mas só um pré-contrato”, afirmou o defensor, ratificando que não recebeu nenhum dinheiro até agora.

Com esta saída, o clube deve ir atrás de um novo zagueiro. Atualmente, o técnico Thiago Carpini tem Leandro Almeida, Romércio, Bruno Silva e Pedro Moraes como opções no elenco.

Nesta quarta-feira, às 19h15, o Guarani fará a sua estreia no Campeonato Paulista diante da Inter de Limeira, no estádio Major Levy Sobrinho, o Limeirão.