enkontra.com
Fechar busca

De Letra

Grana boa para o Trio de Ferro no Brasileirão

  • Por Gisele Rech

Apesar do inexplicável sigilo dos clubes quando o assunto é dinheiro, os valores das cotas de televisão para o campeonato brasileiro deste ano, que terá oito meses de duração, já circulam nos bastidores. No total, a Globo Esportes vai disponibilizar 225 milhões de reais para rateio entre os 24 clubes que disputam a primeira divisão.

Com o descenso do Palmeiras e do Botafogo, que vão ganhar 50% a menos do valor do ano passado, os clubes terão direito a um valor um pouco maior que o estimado. Além disso, o Clube dos 13 viabilizou o patrocínio da Varig para bancar as passagens aéreas das equipes envolvidas na disputa e ainda corre atrás de parcerias para hospedagem gratuita.

Segundo informação do diretor de marketing do Clube dos 13, Mauro Holzmann, Atlético Paranaense e Coritiba terão direito a 3,2% do valor total do patrocício. “É a mesma porcentagem do contrato do ano passado”, explica. Como o valor total do patrocínio aumentou, Coritiba e Atlético devem receber R$ 7,2 milhões pela disputa. Ontem, em uma reunião em São Paulo, representantes dos clubes filiados ao C13 formaram uma comissão para estudar outra forma de rateio.

O Paraná Clube, que não faz parte dos C13, terá que dividir R$ 20 milhões com os outros sete clubes que estão fora do grupo. Na divisão, o Tricolor deve contar com R$ 2,5 milhões. Apesar do esforço da Tribuna, o presidente do clube não atende o telefone. Seus assessores para este assunto desconversam com esta argumentação: “não interessam os valores”. É bom lembrar que, por muito tempo, a cota baixa foi motivo de choradeira por parte do Tricolor, usando os órgãos de imprensa para isso.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas