Contratado recentemente do Independiente Santa Fe, da Colômbia, o meia-atacante argentino Jonathan Gomez se colocou à disposição neste sábado para estrear no São Paulo já no clássico contra o Santos, domingo, na Vila Belmiro, pelo Campeonato Brasileiro.

Depois de aprimorar a forma física nas últimas semanas, ele assegurou que tem condições de jogo. “Estou bem, treinei firme desde a minha chegada e a verdade é que já me adaptei bastante. Estava sem ritmo após as férias, mas estou melhor agora e preparado para jogar caso o treinador necessite.”

E o adversário deste domingo parece ideal para sua estreia. Gomez, afinal, enfrentou o Santos duas vezes neste ano, pela fase de grupos da Copa Libertadores. E, para ele, o São Paulo precisará de muita atenção para superar o adversário e, assim, deixar a zona de rebaixamento do Brasileirão.

“Enfrentei o Santos duas vezes na Libertadores, recentemente, e conheço bem a equipe. É um time compacto, com atletas interessantes e que não se pode subestimar”, elogiou. “Acredito que será uma partida aberta e com chances de gols para os dois lados. Temos que nos reerguer, retomar a confiança e vencer porque precisamos dos três pontos.”

Além de aguardar a estreia contra um adversário já conhecido, o meia-atacante argentino destacou que seria especial estrear em um clássico. “Eles sempre contagiam mais. São partidas em que não interessa apenas jogar bem, tem que vencer. Tem que conquistar o resultado positivo. Na Argentina é assim, e sei que no Brasil também: clássicos são para ganhar. E vamos com tudo para melhorar a nossa fase e erguer a equipe no campeonato. Será uma boa partida para isso”, finalizou.