Com Mozart de interino, o Coritiba conquistou sua primeira vitória no Campeonato Brasileiro, contra o RB Bragantino, por 2 a 1, fora de casa. Sabino, de pênalti, e Robson marcaram os gols do Alviverde em Bragança Paulista.

O resultado tira o Coxa, provisoriamente, da lanterna da competição, na 19ª colocação, com três pontos. Já o Massa Bruta é o 11ª colocado, com cinco pontos.

Agora, com a chegada de Jorginho, o Alviverde terá uma semana de trabalho até o seu próximo jogo, contra o Sport, no domingo (30), no Couto Pereira.

Tabela do Brasileirão 2020: veja a classificação e todos os jogos

O RB Bragantino procurou tomar conta das ações do jogo e dificultou a saída de bola do Coritiba, que teve problemas para sair do seu campo de defesa com a posse.
Em uma dessas saídas de bola do Coxa, o Massa Bruta quase abriu o placar. Aos 13 minutos, Wilson tentou dominar passe de Rhodolfo, errou e entregou para Morato, que por pouco não aproveitou. O Goleiro se recuperou na jogada.

O duelo ganhou em emoção nos últimos minutos. Aos 44, em contra-ataque do RB Bragantino, Wilson errou no tempo de bola, saiu da área para fazer o corte e deixou o gol aberto. Claudinho avançou e viu Alerrandro livre, que só ajeitou o corpo para marcar.

Brasileirão 2020: Red Bull Bragantino x Coritiba – as informações do jogo no tempo real

No lance seguinte, aos 46, Sassá recebeu ótimo passe na área, foi derrubado por Fabrício Bruno e o árbitro marcou o pênalti, expulsando o defensor. Com muita categoria, Sabino cobrou e deixou tudo igual.

Com um a mais, o Coritiba precisou de sete minutos, no segundo tempo, para virar. Em linda jogada trabalhada, William Matheus achou Robson na área, que, de primeira, finalizou para colocar o Coxa em vantagem.

Sabino chegou a marcar mais uma vez, de cabeça, mas, após a análise do VAR, o gol foi anulado. Nada que pudesse impedir a primeira vitória do Coritiba no Brasileirão.

Brasileirão
5ª rodada
23/8/2020
Red Bull Bragantino 1×2 Coritiba

Red Bull Bragantino: Cleiton; Aderlan, Léo Ortiz, Fabrício Bruno e Edimar (Weverson); Ryller, Matheus Jesus (Luiz Phelipe) e Claudinho (Robinho); Morato (Ligger), Artur e Alerrandro (Lucas Evangelista). Técnico: Felipe Conceição.

Coritiba: Wilson; Patrick Vieira (Jonathan), Rhodolfo, Sabino e William Matheus; Matheus Sales, Matheus Galdezani (Rodolfo Filemon) e Matheus Bueno (Luiz Henrique); Neilton, Sassá (Igor Jesus) e Robson (Welissol). Técnico: Mozart.

Gols: Alerrandro, 44/1º tempo (RB Bragantino). Sabino, 48/1º tempo, Robson, 7/2º tempo (Coritiba).
Cartões amarelos: Matheus Jesus (RB Bragantino)
Cartão vermelho: Fabrício Bruno (RB Bragantino).
Estádio: Nabi Abib Chedid (Bragança Paulista).
Árbitro: Gilberto Rodrigues Castro Junior (PE).
Assistentes: Eduardo Goncalves da Cruz (MS) e Clovis Amaral da Silva (PE).

+ Mais do Coxa:

+ Jorginho e Paulo Pelaipe retornam ao Coritiba
+ Coritiba: O trabalho contestado de Pastana na temporada 2020
+ Calendário do futebol brasileiro em 2021 começa quatro dias após fim do Brasileirão