O Coritiba desperdiçou uma chance importante na briga pelo acesso. Diante do Cuiabá, na Arena Pantanal, o Alviverde não segurou a vitória parcial e cedeu o empate por 3×3 no jogo que tinha pendente na Série B do Campeonato Brasileiro. A partida, válida pela 24ª rodada – em atraso – foi realizada na noite da última terça-feira (29). Agora com 49 pontos, o time segue na quarta colocação na disputa.

Em um jogo agitado, os três gols da primeira etapa – dois do Coxa e um do Cuiabá – foram marcados de cabeça e partir de bolas paradas. O primeiro gol da segunda etapa, o qual o Dourado chegou ao empate, foi curiosamente marcado da mesma forma. Já os dois últimos gols da partida foram de lances com a bola rolando. Os gols saíram no melhor estilo ‘toma lá, dá cá’, com o Verdão abrindo vantagem e os donos da casa igualando.

+ Confira como foi o jogo entre Cuiabá e Coritiba!

O time que iniciou pressionando foi a do Cuiabá. Querendo fazer valer seu mando de campo o Dourado tinha amplo domínio do jogo com a maior posse de bola nos minutos iniciais. O panorama da partida foi, aos poucos, mudando e a partir dos 15 minutos o Coxa passou a trocar muitos passes, trabalhar as jogadas, para tentar chegar com solidez ao ataque.

Aos 18 minutos, em cobrança de falta, Giovanni mandou para a área e Serginho, de cabeça, fez o gol coxa-branca. Foi o primeiro do jogador com a camisa do Verdão. Porém, o elenco do Coritiba não teve tempo para comemorar. A resposta do Dourado veio aos 23, com Paulinho. Jean Patrick lançou e o lateral-esquerdo do time mato-grossense mergulhou. Alex Muralha chegou a encostar na bola, mas não evitou o gol.

Jogadores comemoram gol na Arena Pantanal. Foto: Divulgação/Coritiba.
Jogadores comemoram gol na Arena Pantanal. Foto: Raphael Brauhardt/Coritiba.

Em um primeiro tempo dinâmico, o Coxa não demorou a voltar a ficar na frente no placar. Em cobrança de escanteio de Rafinha, aos 31 minutos, Rodrigão subiu de cabeça, balançou as redes, e acabou com seu jejum de gols. O camisa 9 não assinalava fazia onze partidas, mas encerrou a má fase ajudando o Coritiba. O centroavante chegou a marca de 20 gols pelo time, o 12º na Segundona.

O Alviverde voltou para a segunda etapa animado, querendo ampliar a vantagem e consolidar uma possível vitória. Logo nos segundos iniciais o Verdão teve uma boa chance. William Matheus bateu cruzado da esquerda e Matheus Nogueira espalmou. Rafinha conseguiu chegar na sobra, porém a finalização explodiu em Paulinho.

Mas os donos da casa não deram moleza e voltaram a deixar o placar equilibrado. Aos 4 minutos, em cobrança de falta, Jean Patrick, Jefinho subiu, sem marcação, e mais uma vez, um gol de cabeça fez as redes balançarem na Arena Pantanal. Mesmo sofrendo o empate, o Alviverde mandava no jogo e, dessa forma, mais uma vez voltou a ficar na frente no marcador.

+ Confira a classificação completa da Série B!

Aos 19, com passe de Rafinha que avançou pela direita e cruzou para a área, Robson conseguiu ficar com a bola, matar no peito e mandar para o fundo das redes. Quando parecia que o Coxa confirmaria a vitória, o Cuiabá voltou a deixar tudo igual, com Escudero, aos 38 minutos.

O próximo compromisso do Alviverde será diante do Botafogo-SP, em Ribeirão Preto, na sexta-feira (01), a partir das 19h15. O duelo será válido pela 32ª rodada.

Ficha técnica

SÉRIE B
2º Turno – 24ª Rodada

CUIABÁ 3X3 CORITIBA

Cuiabá
Matheus Nogueira; Toty (Léo), Ednei, Anderson Conceição e Paulinho; Marino, Lucas Braga, Moisés (Escudero), Jean Patrick; Felipe Marques (Agustín Gutierrez) e Jefinho.
Técnico: Marcelo Chamusca

Coritiba
Alex Muralha; Diogo Mateus, Romércio, Sabino e William Matheus; Serginho (Nathan), Juan Alano e Giovanni; Robson (Kelvin), Rafinha (Matheus Bueno) e Rodrigão.
Técnico: Jorginho

Local: Arena Pantanal (Cuiabá-MT)
Árbitro: Rodrigo Dalonso Ferreira (SC)
Assistentes: Alex dos Santos (SC) e Gizeli Casaril (SC)
Gols: Serginho 18, Paulinho 23, Rodrigão 31 do 1º; Jefinho 04, Robson 19, Escudero 38 do 2º
Cartões amarelos: Robson (COR)