Um pouco mais aliviado depois de ter conquistado a primeira vitória dentro do Couto Pereira, nesta temporada, o Coritiba quer manter o embalo e emplacar hoje, às 20h, diante do Cascavel CR, no Olímpico Regional, no oeste do Estado, a sua terceira vitória seguida neste início da Taça Dirceu Krüger. Mais uma chance, na verdade, para o time coxa-branca provar que está vivendo um novo momento, sobretudo depois que o técnico Umberto Louzer assumiu o comando da equipe há quase um mês atrás.

+ Clássico: Duelo com o Paraná pode acabar sendo no estádio do Pinhão

O Coritiba, nessas quase quatro semanas de trabalho sob o comando do novo treinador, teve uma evolução perceptível. Além de ter conquistado duas vitórias convincentes contra Cianorte, fora de casa, e FC Cascavel, no Couto Pereira, o time coxa-branca voltou a jogar bem. Mérito da nova filosofia de jogo implantada pelo técnico Umberto Louzer e que caiu nas graças do elenco alviverde.

“O trabalho dele é muito bom. Gosto bastante dele como treinador, da sua logística. Ele encaixou o time, mas vamos continuar evoluindo”, apontou o lateral-esquerdo Patrick Brey. “Com o Argel (Fucks) eu já achava nosso time muito bom. Temos muita qualidade, mas acredito que nosso time encaixou melhor. Quando encaixa, acaba evoluindo cada vez mais. A gente vem fazendo bons jogos dentro e fora de casa e, se Deus quiser, vamos seguir evoluindo”, emendou o jogador.

+ Clássico: Duelo com o Paraná pode acabar sendo no estádio do Pinhão

Alex Muralha está confirmado. Foto: Divulgação/Coritiba FC
Alex Muralha está confirmado. Foto: Divulgação/Coritiba FC

Para o zagueiro Alan Costa, Louzer se apegou aos detalhes que estavam faltando ao time coxa-branca. Segundo ele, as vitórias conquistadas neste começo de segundo turno também dão uma sustentação ao trabalho que vem sendo realizado pelo novo comandante alviverde. “Desde quando chegou ele vem trabalhando algum detalhe que faltava no nosso time. Veio a vitória em casa que a gente precisava. Foram dois meses de campeonato e a gente não tinha ainda vencido em casa. As vitórias vieram e é mais fácil de trabalho. O mais importante é que vieram os resultados junto com performances muito boas. Isso ajuda também o trabalho do dia a dia”, acrescentou o camisa 3 do Verdão.

A contratação do técnico foi baseada muito na forma que a diretoria do Coritiba quer ver a equipe jogando. Um futebol mais para frente, de protagonista, da grandeza do clube. Por enquanto, segundo os jogadores, é o que está acontecendo. O Verdão tem conseguido jogar de forma ofensiva. Não a toa, nos dois jogos, marcou seis gols e não sofreu nenhum.

+ Eleição: Não tem candidato oficial à presidência da Federação

“O time está trabalhando um pouco mais para frente desde que o Umberto chegou. Ele implantou isso. Mentalizamos isso, para que a primeira opção seja para frente e depois para o lado. Isso que a gente vem fazendo, um jogo de posse de bola, sempre colocando a bola para frente, mesmo que as vezes custe ficar com a bola”, concluiu Alan Costa.

Para enfrentar o Cascavel CR, Umberto Louzer terá três baixas. Além do lateral-direito Felipe Mattioni e do atacante Rodrigão, que já não atuaram na vitória sobre o FC Cascavel, no Couto Pereira, o meia Thiago Lopes, com uma lesão muscular, também foi vetado pelo departamento médico.

+ Confira a classificação completa e a tabela da Taça Dirceu Krüger

Com isso, Igor Paixão deve ganhar uma oportunidade e formar o trio ofensivo ao lado de Igor Jesus e Juan Alano. Na lateral-direita, o volante João Vitor deve atuar de novo improvisado. Caso contrário, Sávio pode aparecer na equipe e o camisa 7 voltaria para o setor de contenção na vaga de Vitor Carvalho.

Ficha técnica

CAMPEONATO PARANAENSE
Taça Dirceu Krüger – 3ª Rodada

Cascavel CR x Coritiba

Cascavel CR
Marcos Paulo; Everaldo, Castro, Vitor e Japa ; Djair, Hildo e Gomes; Rafael Castro, Elenilson e Sassá.
Técnico: Allan Aal

Coritiba
Alex Muralha; João Vitor (Sávio), Alan Costa, Sabino e Patrick Brey; Vitor Carvalho (João Vitor), Matheus Bueno e Giovanni; Igor Paixão, Juan Alano e Igor Jesus.
Técnico: Umberto Louzer

Local: Olímpico Regional (Cascavel)
Horário: 20h
Árbitro: Felipe Gomes da Silva
Assistentes: Weber Felipe Silva e Vinicius Leandro Moreira Martins

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do Trio de Ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!