Armênia – A seleção brasileira tenta garantir, hoje, às 22h10, uma vaga no hexagonal decisivo do Campeonato Sul-Americano Sub-20 da Colômbia. O Brasil enfrenta o Chile, pela terceira rodada da competição, no Estádio Centenário, na cidade colombiana de Armênia.

A equipe do técnico René Weber, com quatro pontos, divide com os chilenos a vice-liderança do Grupo B. O Uruguai, que goleou o Equador por 6 a 0 na terça-feira à noite, é o primeiro colocado com cinco pontos. Paraguai soma 2 e Equador, zero. Paraguai e Equador fazem o outro duelo do grupo.

O empate, por 1 a 1, com o Paraguai, no último jogo, não preocupou Weber. O treinador culpou o péssimo estado do gramado do estádio de Pereira. Mesmo assim, o treinador confia na mobilidade do volante Filipe e no oportunismo do atacante Evandro para buscar a reabilitação no torneio.

No Chile, o técnico José Sulantay não poderá contar com o atacante Juan Lorca, que cumpre suspensão. Nicolás Canales e José Soto disputam a vaga para fazer dupla com Ricardo Parada.

O Brasil estreou bem no Sul-Americano, ao golear o Equador por 5 a 0, mas não repetiu o mesmo desempenho diante dos paraguaios e parou na retranca do adversário: 1 a 1. Uma vitória garante o Brasil na segunda fase, que vai reunir os seis melhores na busca do título.

As quatro primeiras seleções também obtêm vaga na disputa do Mundial da categoria, em junho, na Holanda. O Brasil é o atual campeão mundial, título conquistado em 2003, nos Emirados Árabes.

Ficha técnica
Brasil: Renan, Rafinha, Leonardo, Edcarlos e Filipe; Roberto, Alê, Evandro e Renato; Diego Barcelos e Rafael Sobis. Técnico: René Weber.
Chile: Arias, Riquelme, Montesinos, Jara e Salazar; Vásquez, Meneses, Fuenzalida e Fernandez; Parada e Canales. Técnico: José Manuel Sulantay.
Horário:22h10 (de Brasília)
Árbitro e assistentes: não divulgados