Thomaz Bellucci voltou a ser eliminado em uma estreia, neste domingo, desta vez no Masters 1000 de Montecarlo. O número 1 do Brasil não resistiu ao alemão Philipp Kohlschreiber e foi derrotado por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 6/2, em uma prévia do confronto da Copa Davis.

Bellucci e Kohlschreiber devem se enfrentar no confronto entre Brasil e Alemanha, em solo alemão, na repescagem da Davis, entre os dias 13 e 15 de setembro. O alemão agora leva vantagem no retrospecto, com três vitórias, contra duas do brasileiro, em cinco partidas disputadas entre os dois tenistas no circuito profissionais.

Kohlschreiber obteve seu terceiro triunfo sobre Bellucci em apenas dois sets, com um duelo equilibrado no primeiro set. O alemão saiu na frente, com uma quebra de saque. Mas chegou a ceder o empate ao brasileiro, em 3/3. Bellucci, contudo, voltou a perder o saque logo na sequência e viu o rival abrir vantagem o placar.

Embalado, Kohlschreiber teve maior domínio no segundo set. Impôs três quebras de serviço ao brasileiro e cedeu apenas um game de saque. Assim, fez 6/2 e fechou o jogo em 1h14min. Na segunda rodada, o alemão terá pela frente o vencedor da partida entre o francês Jeremy Chardy e um tenista do qualificatório, ainda não definido.

Com mais esta derrota, Bellucci acumulou sua sexta queda em estreia em nove torneios disputados neste ano – fora a disputa da Davis. Por não defender as oitavas de final, fase em que foi eliminado em Montecarlo em 2012, o brasileiro deve perder boas posições no ranking. Atualmente ele ocupa o 40º lugar na lista da ATP.