No mundo todo é comum os jogadores de futebol, quando recebem prolongado tempo de descanso, se reapresentarem sem a mesma forma física de antes. Com o holandês Seedorf isso não é problema. O jogador retornou ao Botafogo depois de prolongar sua estadia na Europa ainda mais magro do que duas semanas antes.

“Falar do Seedorf é quase redundante. Ele sempre tem o mesmo comportamento e o porcentual de gordura hoje é ligeiramente mais baixo do que quando saiu para essa interrupção do Brasileiro. É um jogador que tem um comportamento profissional. Recebeu uma cartilha de orientações, como todos, para seguir nesse período e a cumpriu. Seedorf nunca foi um problema para nós”, elogiou o fisiologista Altamiro Bottino.

O elenco do Botafogo recebeu 10 dias de folga depois da pausa no Brasileirão e deveria se reapresentar na terça-feira passada. Mas Seedorf recebeu autorização especial para seguir na Europa. Só se juntou ao grupo na última segunda-feira, quando ficou na academia para fazer academia e esteira. Nesta terça, no CT João Saldanha, já participou do treino técnico com bola, e fez ainda uma atividade física à parte.

“Ele está fazendo uma programação de adaptação em relação aos dias em que ficou parado. O Seedorf vai entrar em alguns treinamentos e em outros vai ficar fora. Jogar vai depender somente do professor Oswaldo”, explicou o fisiologista. O Botafogo só volta a campo na quarta-feira da semana que vem, para enfrentar o Figueirense pela Copa do Brasil.