O técnico Diego Aguirre afirmou neste domingo que o São Paulo vai manter a estratégia de jogo que vem funcionando nas últimas partidas e que garantiu a vitória sobre o Cruzeiro por 2 a 0, neste domingo, no Mineirão, pelo Brasileirão. O time se organiza bem defensivamente e explorava os contra-ataques.

Com essa receita, a equipe é vice-líder, com dois pontos de desvantagem para o Flamengo, que também venceu na 15ª rodada. O São Paulo se consolidou como o melhor visitante, com 15 pontos conquistados fora de casa (quatro vitórias, três empates e duas derrotas). Ao todo, o time tem 32.

“Não precisamos necessariamente ter mais a bola para jogar mais que outro time. O importante é fazer o melhor para ganhar o jogo. O São Paulo está se defendendo bem, está lutando e está fechando ao máximo defensivamente. Na hora de jogar com a bola, o time está aproveitando a velocidade e aproveitando as características dos nossos jogadores. É uma coisa que temos de manter. Está dando certo”, afirmou o treinador em entrevista coletiva após a vitória em Minas.

O técnico Diego Aguirre também destacou a entrada de jogadores da base para substituir os desfalques (Arboleda, Militão e Hudson), todos suspensos. Com isso, escalou Araruna na lateral-direita. No meio, escalou Luan Santos, outro jogador revelado na base e que tem apenas 19 anos.

“Quando chegamos, falamos que a ideia era, primeiramente, tentar dar uma sequência a um time, que o São Paulo recobrasse a confiança, e isso foi acontecendo. Outra coisa que falamos era de dar oportunidade aos meninos da base, e o São Paulo tomou uma decisão excelente de deixar Jardine trabalhar conosco, ele nos ajuda muito, dá muita informação e tem experiência com meninos. Aconteceu com Luan, Liziero, Kal, Araruna. A base do São Paulo é muito forte”, elogiou o treinador.

Aguirre também destacou a atuação do meia equatoriano Joao Rojas, um dos destaques na vitória em Minas. “Trouxemos o Rojas, por indicação nossa, e estou feliz que tenha somente 20 dias e já jogado quatro jogos, cada vez melhor. Joao está jogando muito e estou feliz por ele. E foi boa a estreia do Bruno Peres, um reforço excelente. Jogou 30 minutos e terá mais jogos, prevendo a saída de Militão, na outra semana, teremos Bruno Peres pronto. É o bom trabalho da diretoria para contratar jogadores prevendo alguma possível saída”, disse o treinador.