Foto: Arquivo

No domingo, emissários europeus devem acompanhar o jogo contra o Jotinha.

Depois do São Paulo, Santos e Palmeiras andarem sondando o meia Pedro Ken, agora chegou a vez de clubes europeus crescerem o olho sobre o jogador do Coritiba.

No domingo, empresários portugueses estarão no Couto Pereira para acompanhar o atleta na partida contra o J. Malucelli e até um início de negociação pode acontecer com a diretoria alviverde. Eles, inclusive, querem saber quanto custa para levar o Japonês do Alto da Glória. Mas não é só eles.

O Borussia Dortmund vem acompanhando o craque desde o ano passado e também deve enviar emissários para novas observações.

?Um pessoal de Portugal esteve aqui (Couto) e perguntou quanto é o valor dos direitos econômicos do Pedro?, revelou o diretor de futebol Édison Mauad. Segundo o dirigente, a intenção deles não é levar o jogador para um clube português, mas para outro país europeu. ?Mas não adianta nada dar o preço dos 60% sem conversar com o jogador. Amanhã (hoje), vou conversar com o Pedro e saber o que ele acha?, apontou. De acordo com Mauad, se o jogador não quiser fechar negócio o clube arbitrará um preço alto. ?Não podemos deixar de dar um valor para eles?, justificou o dirigente.

De acordo com Mauad, esses seriam os únicos interessados no momento em contar com Pedro Ken. No entanto, a divulgação que os procuradores do atleta estão fazendo na Europa pode abrir uma negociação também. Segundo apurou a reportagem, o Borussia Dortmund já vem acompanhando o jogador e deve mandar emissários para acompanhar mais de perto o meia. ?No ano passado, a gente divulgou o Coritiba e nossos jogadores por 14 clubes, mas especificamente, para levar não tem nada?, ponderou Carlinhos Corsini, sócio da Massa Sports, que representa Ken.

No entanto, um dos sócios da empresa, Marquinhos Malaquias, está na Europa acompanhando Rafinha e mantendo contatos com clubes e agentes. ?Os jogadores estão na mídia e todo jogo tem gente que vem olhar, mas só especulação?, disse Corsini. Sobre os portugueses, ele espera um contato do clube, caso a negociação possa avançar. ?O clube pode fazer um proposta e só depois nos consultar. Se isso acontecer, eles entram em contato com a gente?, avisou. Já a questão da venda dos 40% dos direitos, que pertencem ao jogador, continua na mesma já que os interessados não querem se identificar.

Tamandaré no lugar de Dick

O técnico Dorival Júnior comanda hoje à tarde o apronto para a partida de domingo contra o J. Malucelli e já define o time. A única mudança deve ser a entrada de Marcos Tamandaré no lugar de Dick na lateral-direita, que vem sendo feita com constância pelo treinador. No entanto, na lateral-esquerda, Rubens Cardoso saiu de campo sentindo uma lesão e será melhor avaliado pelo departamento médico. Se não puder atuar, Ricardinho volta a ser titular. O confronto contra o Jotinha está programado para as 16h no Couto Pereira.

Ontem, o grupo fez um trabalho regenerativo pela manhã ainda em Maringá e passou a tarde inteira dentro do ônibus na viagem de volta. Enquanto isso, no CT da Graciosa, os novos reforços continuam treinando, mas ainda não devem estrear. Os meias Carlinhos Paraíba e Laércio estão com problemas na documentação e podem não ser apresentados hoje à tarde, mesmo já anunciados pela diretoria. De qualquer forma, Júnior avisou que só vai lançar os reforços quando eles estiverem bem ambientados ao clube e à cidade.

Ingressos

O Coritiba já colocou à venda as entradas para o confronto contra o J. Malucelli. A arquibancada (local e visitante) custa R$ 20; a cadeira da Mauá, R$ 30 e a social superior, R$ 100. Mulheres, crianças, idosos e estudantes pagam meia.

Jotinha quer se recuperar no Couto Pereira

Depois do empate em casa com o Toledo e do quiprocó após a partida na quarta-feira, o J. Malucelli se prepara para tentar recuperar os pontos perdidos contra o Coritiba. O único desfalque da equipe será o meia Carlinhos, que foi expulso por se envolver numa briga com o goleiro Oliveira, também expulso. O técnico Leandro Nieuhes tem algumas possibilidades e deve resolver durante o treinamento programado para o CT do Caiuá. Se ele quiser mais marcação deverá optar entre Russo e Gomes, mas se quiser um time mais solto, para ir para cima do Coxa, Rodrigo Batata poderá aparecer. O restante do time deve ser o mesmo, mas o treinador costuma mudar o esquema tático de jogo para jogo.