O Maringá segue caminhando a passos largos rumo à segunda divisão do Campeonato Paranaense. Em mais uma atuação muito ruim, o time da cidade canção foi goleado pelo Toledo por 3×0, permaneceu com cinco pontos, ainda na zona de rebaixamento da competição estadual. O técnico do time maringaense, Rogério Perrô, não escondeu a sua decepção com mais um resultado adverso da sua equipe no Estadual. 

“Foi decepcionante. Tivemos uma semana produtiva e infelizmente não colocamos em prática. Nós armamos um sistema, avaliando o adversário e o nosso momento delicado, para não sermos vulneráveis, mas tomamos três gols dentro da pequena área. Então, é decepcionante. Garra não faltou, posição não faltou da minha equipe. O que faltou foi talento para poder no mínimo igualar a partida. Mais decepcionante foi a falta de criação da equipe”, disse o treinador.

Penúltimo

Quem também segue patinando no Campeonato Paranaense é o Operário de Ponta Grossa, atual campeão estadual. O Fantasma, com apenas uma vitória até agora na competição, perdeu uma grande oportunidade de encostar no G-8 diante do PSTC, mas jogando em Cornélio Procópio, levou o empate nos acréscimos, chegou aos 5 pontos, mas está na última colocação na classificação.

A esperança para a dupla que está na zona de rebaixamento, porém, é que a distância para o G-8, faltando três rodadas para o final da primeira fase, é de apenas três pontos. Assim, a partir de agora, os próximos duelos para Maringá e Operário serão decisões para, primeiramente, se afastarem da zona de rebaixamento e, depois, buscarem a classificação no Estadual.