enkontra.com
Fechar busca

Coritiba

Coritiba

Coritiba

Corda bamba

Rildo revela que Pachequinho sabia que seria demitido se perdesse pro Avaí

Um dos heróis da vitória do Coritiba em Florianópolis, atacante disse que time jogou pelo treinador e espera manter postura diante do Fluminense

  • Por Ricardo Brejinski
Rildo voltou a fazer gols, mas prefere se destacar ajudando o time em todos os aspectos. Foto: Divulgação/Coritiba

A goleada por 4×1 sobre o Avaí, na última quinta-feira (13) parece ter tirado um peso das costas do Coritiba, que já não vencia há sete jogos, mas também do técnico Pachequinho. Depois da derrota por 3×0 para o Sport, na segunda-feira (10), no Couto Pereira, o treinador teve seu cargo seriamente ameaçado e sabia que um novo revés podia custar seu emprego. Tanto, que conversou com os jogadores a respeito disso. E foi defendido pelo grupo.

“O Pachequinho teve uma conversa com os jogadores antes do jogo que se caso não tivesse uma vitória poderia acarretar na demissão dele. O Pacheco está fazendo um grande trabalho aqui. É mais fácil colocar a culpa em uma pessoa do que em 30. Mas todo mundo tem a responsabilidade. Mas o treinador é sempre o primeiro a pagar o pato. Nós jogamos por ele, pela nossa família e pela torcida”, revelou o atacante Rildo.

O camisa 11, aliás, foi um dos grandes responsáveis pelo triunfo em Florianópolis. O jogador marcou dois gols na partida, além de ter corrido o tempo todo. Uma doação que já vem sendo comum para ele, que, mais do que balançar as redes adversárias , quer ajudar o time a vencer, independentemente de como.

Confira a tabela completa do Brasileirão!

“É sempre bom estar marcando gols. Fui muito feliz, mas o que o Pacheco me cobra muito é a parte tática. Talvez muitas pessoas acabem não vendo isso e estou cumprindo muito bem esse papel, que é recompor (a defesa). Contra o Grêmio (na nona rodada), eu roubei mais bolas que os zagueiros e estou aqui para ajudar o coletivo”, destacou ele, que mais uma vez será titular do Alviverde, contra o Fluminense, neste domingo (16), às 19h, no Couto Pereira.

Time

O Coritiba deve ter pelo menos três mudanças na equipe que goleou o Avaí. O lateral-esquerdo Wiliam Matheus volta após cumprir suspensão, enquanto o atacante Kléber desfalca o time, por conta da punição imposta pelo Superior Tribuna de Justiça Desportiva (STJD). Em seu lugar, a tendência é que Henrique Almeida entre. Já na defesa, sem Márcio, suspenso, o técnico Pachequinho deve escalar Werley, que está voltando de lesão, ou Luizão, que, assim, faria sua estreia com a camisa coxa-branca.

A provável formação do Coxa será: Wilson; Rodrigo Ramos, Walisson Maia, Luizão (Werley) e William Matheus; Jonas, Matheus Galdezani e Anderson; Neto Berola, Rildo e Henrique Almeida.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

14 Comentários em "Rildo revela que Pachequinho sabia que seria demitido se perdesse pro Avaí"


Evandro
Evandro
4 meses 6 dias atrás

Pa Chiquinho sai daqui 2 rodadas pegaram o morto do Avaí e acham q irão ganhar o brasileirão..como sempre iludidas essas paquitas rainhas de maquetes

jefferson pereira
jefferson pereira
4 meses 5 dias atrás

quem fala em o COXA ser campeão são vcs que tem um terror que o Coxa seja bi primeiro e vai ser, agora morto mesmo ta um tal de cap inha de pinga mijo

Marcos Lopes
Marcos Lopes
4 meses 6 dias atrás

xi

Corisco
Corisco
4 meses 6 dias atrás

Vai ser demitido daqui as 2 rodadas…perde os dois jogos na sequencia……

Verdao
Verdao
4 meses 6 dias atrás

E tem mais o thiago Carleto e uma otima opcao e tem a bola parada dele que e fatal, tambem nao deve sair do time, se vira Pachiquinho.

Verdao
Verdao
4 meses 6 dias atrás

No jogo contra o Avai o time teve pegada, tesao pra jogar, isto e importante ganhar ou perder e do jogo duro e ver cara fazendo corpo mole em campo e seu Pachequinho coloca na sua cabeca que Anderson e Neto Berola sao titulares, larga de ser teimoso homem.

wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas