enkontra.com
Fechar busca

Painel do Crime

Morre com tiro na cabeça

  • Por Marcelo Vellinho

Foto: Alberto Melnechuky

Lopes foi executado dentro de casa.

Um tiro na cabeça tirou a vida de Júlio César Santos, 24 anos, por volta das 11h15 de ontem, em Pinhais. O crime aconteceu na Rua Javari, quase esquina com a Rua Tocantins, no Jardim Weissópolis.

O soldado Amorim, do 17.º Batalhão da Polícia Militar, acredita que possa se tratar de um latrocínio (roubo com morte). ?Pelo que pudemos apurar com familiares da vítima, Júlio seguia para o seu trabalho, em São José dos Pinhais, quando foi abordado. Aparentemente, ele teve sua carteira roubada?, observou o soldado.

Porém, são poucas as informações que a polícia tem sobre o crime, já que ninguém disse ter visto o que aconteceu. ?Uma vizinha contou que ouviu o barulho do tiro, mas que não sabe quem foi nem como o autor fugiu?, lamentou o soldado. O investigador Índio, da delegacia local, explicou que irá ouvir os moradores para tentar colher alguma informação.

Outro roubo com morte

Com sete tiros, Luís Carlos Lopes, 23 anos, foi executado às 22h de quinta-feira, em sua casa, na Rua Professora Valdomira Zortea, Umbará. Atingido por dois disparos no peito, um na perna e outro no olho, ele morreu no local. Os bandidos fugiram levando a motocicleta Twister placa AND-9078 e outros objetos. Apesar de o crime ter ocorrido às 22h, a Polícia Militar só foi avisada às 2h20 da madrugada.

O delegado Rubens Recalcatti, titular da Delegacia de Furtos e Roubos (DFR), apurou que o crime foi praticado por três homens. ?Eles amarraram a vítima. Apesar de terem levado a motocicleta e objetos da casa, acreditamos que foi uma execução. Depois aproveitaram para roubar as coisas?, salientou o delegado. Ele disse que as investigações estão adiantadas e em breve terá novidades.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas