Três pessoas foram detidas por policiais da delegacia de Fazenda Rio Grande, em Agudos do Sul, no início da tarde de ontem. O escrivão de polícia Odenir de Souza Lima, 58 anos, foi preso suspeito de se passar por policial militar. Ele portava um revólver calibre 38, dois coletes da Policia Civil e um par de algemas.

Também estão presos Nilo dos Anjos, 58, e José Gonçalves da Luz, 45, o “Jeca”. Com o primeiro, a polícia encontrou uma pistola calibre 380 carregada e com o outro, duas espingardas calibre 36, várias munições de calibres 12, 9 milímetros e 36.

Ameaças

Segundo o delegado Leonardo Bueno, uma mulher denunciou que era ameaçada por dois homens com a ajuda de um policial. “Agudos do Sul fica sob nossa custódia, e não tínhamos informações sobre um policial trabalhando nesse caso. Descobrimos que o escrivão se apresentava como policial”, explicou o delegado.

Os investigadores investigavam a ameaça e abordaram Nilo e José, que estavam armados, de acordo com Bueno. O escrivão foi autuado por porte ilegal de arma e usurpação de função. Os outros dois por porte de arma e pelas ameaças.