enkontra.com
Fechar busca

Painel do Crime

Delegacia de SJP investiga morte de menino

Homem foi detido suspeito de ter matado Gustavo Santos, 11 anos

  • Por Janaina Monteiro

A delegacia de São José dos Pinhais confirmou ontem que o homem detido, suspeito de ter matado Gustavo Santos, 11 anos, com um tiro no peito no fim da tarde de sexta-feira, não foi reconhecido por testemunhas. Ele era caseiro de uma chácara próxima de onde o garoto foi morto, segundo informou o superintendente Clóvis Pinheiro.

A polícia continua ouvindo testemunhas, entre eles um adolescente que estava em companhia de Gustavo, a fim de descobrir se ele foi executado ou vítima de bala perdida. Comentários no local davam conta que o garoto brincava com amigos e teria invadido a chácara para pegar uma pipa, o que não foi confirmado pela polícia.

Cerca

Ontem, um perito e dois policiais civis foram até a propriedade para determinar de onde partiu o tiro e apuraram que o garoto estava do lado de fora da cerca quando foi atingido. “Eles encontraram os calçados do garoto e conseguiram apontar o local onde ele foi baleado. Ninguém entrou na chácara”, disse Clóvis. O superintendente informou que a chácara fica em Piraquara e a delegacia desse município poderá assumir as investigações.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Últimas Notícias

Mais comentadas