enkontra.com
Fechar busca

Notícias

Trabalhadores sem-terra monitoram ações de fazendeiros

  • Por Lawrence Manoel

Os trabalhadores sem-terra continuam monitorando as ações de fazendeiros do interior do Estado. Há quinze dias, o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra (MST), a Comissão Pastoral da Terra (CPT) e a ong Terra de Direitos apresentaram denúncias aos ministério públicos Federal e Estadual, contra um grupo de proprietários de terra que pretendia criar uma milícia armada chamada Primeiro Comando Rural (PCR) para evitar ocupações. O Ministério Público Federal encaminhou a investigação para a Polícia Federal (PF).

Agora, segundo o coordenador da Terra de Direitos, Leandro Franklin, os fazendeiros desistiram de criar o comando, mas se organizam em milícias armadas particulares para defender suas terras. Franklin explicou que os movimentos ligados aos trabalhadores estão fazendo um monitoramento constante das ações dos fazendeiros e encaminhando dados aos órgãos competentes. (Leia mais na edição de amanhã do jornal O Estado do Paraná)

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas