A polícia prendeu integrantes da quadrilha que assaltou agências bancárias em Quatro Barras, na Região Metropolitana de Curitiba, e em Matinhos, no litoral do Paraná. Segundo o trabalho desencadeado pelo Centro de Operações Policiais Especiais (Cope), foram seis pessoas presas no Uberaba na tarde dessa terça-feira (9), entre elas um suspeito que se passou por PM na ação de junho, em Quatro Barras.

+ Atenção! Você está a um clique de ficar por dentro do que acontece em Curitiba e Região Metropolitana. Tudo sobre nossa regiãofutebolentretenimento horóscopo, além de blogs exclusivos e os Caçadores de Notícias, com histórias emocionantes e grandes reportagens. Vem com a gente!

As informações preliminares são de que foram apreendidas ao menos cinco armas de grande poder de fogo – fuzis e metralhadoras – diversos carregadores de munição, algumas pistolas e coletes balísticos, incluindo o equipamento com identificação da Polícia Militar do Paraná, usado no roubo de junho.

Foto: Divulgação/Cope
Suspeito preso se vestiu de PM pra conseguir completar o roubo. Foto: Divulgação.

A ação da polícia foi desencadeada após a prisão de um suspeito na noite de quinta-feira (8). Com ele, foram apreendidas uma caminhonete com uma placa reforçada para uso de armas, munição de fuzil e 9mm e miguelitos, usados para furar pneus e evitar perseguições de viaturas policiais.

A ocorrência ainda está em andamento e é possível que novas prisões sejam feitas ainda nessa terça.

Carros de luxo roubados de loja em Curitiba são recuperados pela polícia horas depois