Três presos foram mortos na noite deste domingo (14), na Casa de Custódia de Curitiba (CCC), que fica na Cidade Industrial de Curitiba (CIC). Segundo a Polícia Civil, a equipe da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) esteve no local e investiga qual pode ter sido o motivo do crime.

Bruno Aparecido Guedes, 30 anos, Marcos Germano dos Santos, 36, e Giusepe Luiz dos Santos, 36, teriam sido mortos pouco tempo depois do horário de visitas. Armados com uma faca improvisada, conhecida como “estoque”, os outros detentos ainda arrastaram os corpos dos três homens, depois de matá-los.

Ao todo, três presos teriam participado do crime. Alex Sandro Marcondes, Daniel de Andrade e Rômulo Rosa Gomes foram encaminhados à Central de Flagrantes, no Centro de Curitiba, onde não quiseram dar detalhes aos policiais. “Eles preferiram não dar detalhes para a gente, querem falar somente em juízo. Se disseram autores do crime e disseram que o que motivou foram desavenças pessoais entre eles no convívio dentro da unidade prisional. Um estaria ameaçando o outro”, contou o delegado Fábio Machado.

Dentro da CCC, os policiais apreenderam os três estoques usados pelos assassinos. “Dois estavam no pátio e o terceiro foi achado preso ao corpo de um dos presos. Muito provável que estes estoques tenham sido feitos a partir de materiais retirados da própria estrutura da carceragem”, detalhou o delegado.

Depois de assinarem o flagrante, os policiais encaminharam os três presos novamente à CCC. “Foram autuados por homicídio qualificado e continuam presos na Casa de Custódia. A unidade deve ser responsável pela readequação ou não dos detentos”. Segundo a polícia, não há nenhum indicio de que o motivo do crime esteja relacionado a uma disputa de facções dentro do presídio.

Não é o primeiro caso

Em abril do ano passado um detento foi encontrado morto dentro de uma cela da Casa de Custódia de Curitiba. Na época, a Tribuna do Paraná apurou que um dos presos que estava na mesma cela teria assumido a autoria do crime.

Três pessoas são mortas dentro da Casa de Custódia de Curitiba. Foto: Arquivo.
Três pessoas são mortas dentro da Casa de Custódia de Curitiba. Foto: Arquivo.