Brasília – O líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), afirmou nesta segunda-feira (5) da tribuna que não existe nenhuma decisão do governo em mudar a Constituição para um possível terceiro mandato para o presidente Luiz Inácio Lula da Silva nas eleições de 2010.

"Como líder do governo quero reafirmar que não procede como posição do governo, não procede como intenção do presidente Lula, não é decisão do governo buscar uma mudança na Constituição para fazer qualquer tipo de manobra que permita se faça mais de uma reeleição, no sentido de ampliar o mandato de qualquer presidente da República, não só do presidente Lula", afirmou Jucá.

Ao lembrar que o presidente já se manifestou pessoalmente contrário ao instituto da reeleição, preferindo um mandato maior, Romero Jucá disse que se a Câmara vier a aprovar uma emenda constitucional permitindo a disputa de um terceiro mandato ou a reeleição indefinida, o Senado derrubará essa tentativa.

"No Senado o que se discute no momento é o fim de qualquer tipo de reeleição", afirmou Jucá.