O candidato do PL a prefeito de Curitiba, Mauro Moraes, considerou que “os resultados da última pesquisa não dão a dimensão real do quadro sucessório em Curitiba”. Para o deputado, 800 pesquisados e uma margem de 3,5% de erro, não conseguem refletir os números verdadeiros das intenções de voto. “De qualquer maneira, as pesquisas vêm repetindo um desempenho único, com dois candidatos na dianteira e o terceiro lugar oscilando entre três outros candidatos. Repito que ainda não há novidades e nem resultados definidos”, afirmou.

Para Moraes ainda falta uma semana e “nestes sete dias muita coisa pode acontecer, principalmente em relação aos indecisos”. O candidato imagina, também, que nesta última semana os ânimos podem se acirrar e uma verdadeira batalha se trave entre s dois candidatos mais votados “cujas conseqüências podem ser as mais surpreendentes”. “Acredito que a população quer mudanças e vai lutar por elas”, finalizou Moraes.