A presidente Dilma Rousseff deve ter uma semana agitada. Ela está no Rio Grande do Sul, onde passa o fim de semana, comemorando, em família, o seu aniversário de 67 anos. A presidente volta domingo, dia 14, à Brasília e a expectativa é de que, na próxima semana, ela consiga fechar e anunciar os nomes do PT e do PMDB que ocuparão ministérios. A princípio, a única agenda de segunda-feira, dia 15, é o comparecimento à posse da presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), a senadora Kátia Abreu, que já foi convidada pela presidente Dilma para assumir o ministério da Agricultura.

Na terça-feira, 16, a presidente participa de um almoço de confraternização de final de ano com os oficiais generais, no Clube da Aeronáutica. Há uma grande expectativa com o discurso de Dilma neste almoço, depois do descontentamento dos militares com o teor do relatório final da Comissão da Verdade.

Na quarta-feira, dia 17 de dezembro, Dilma estará na cidade de Paraná, na Província de Entre Rios, na Argentina, participando da reunião do Mercosul. No dia 18 de dezembro, Dilma será diplomada, no Tribunal Superior Eleitoral, como presidente reeleita.