Uma fonte ligada à equipe médica que trata da presidente Dilma Rousseff informou na noite de hoje que a petista concluiu o tratamento contra a pneumonia nesta semana, mas que ainda está em recuperação. Por conta disso, foi recomendado à presidente que cancelasse a viagem que faria ao Paraguai, no próximo domingo, 15.

“Não há nada novo, ela está ótima”, disse. “Mas se você tem uma pneumonia e fica de dez a quatorze dias tomando antibióticos, o estado de saúde não é o mesmo”, explicou. Essa fonte ressaltou que a presidente Dilma não está mais em repouso, está cumprindo sua agenda de trabalho, mas que uma viagem de seis horas (ida e volta) de avião “não tem lógica” para quem terminou nesta semana o tratamento contra a pneumonia.