enkontra.com
Fechar busca

Notícias

Paulista humilha Paysandu e continua com chances de subir

  • Por Agência Estado

O Paulista continua muito vivo na briga pelo acesso na Série B do Campeonato Brasileiro. Na tarde deste sábado (18), o clube de Jundiaí obteve a maior goleada da competição ao fazer 9 a 0 sobre o Paysandu, com cinco gols de Jailson, no Estádio Jaime Cintra, e foi beneficiado pela derrota do América-RN para o Santo André, por 2 a 1, em Natal (RN). O time nordestino precisava de um simples empate para subir.

Depois desses resultados, o Paulista sobe para a quarta colocação, com 58 pontos, e precisa vencer o Brasiliense, no próximo sábado (20), no Distrito Federal (DF). Além disso, passa a torcer por uma derrota do América-RN, quarto colocado com 60 pontos, diante do já campeão Atlético-MG, em Belo Horizonte (MG). Já o Paysandu segue em 16º, com 41, e recebe o Marília, no Mangueirão, precisando vencer para não cair.

"Nós nunca deixamos de acreditar no acesso. Bobeamos ao perder para o América-RN e para a Portuguesa em casa, mas vamos brigar até o final. Nossas chances aumentaram novamente", disse o técnico Vágner Mancini.

Com a obrigação de vencer para continuar com chances, o Paulista começou a partida explorando a velocidade, sobretudo pela fragilidade do sistema defensivo adversário. E foi exatamente em uma falha de marcação que o time chegou ao gol. Aos cinco minutos, após cobrança de escanteio, a defesa se atrapalhou e Dema cabeceou na segunda trave.

Nem mesmo a desvantagem fez os paraenses acordarem. Com Aldrovani isolado no ataque, o time não conseguiu criar e ainda sofreu o segundo gol quando tentou se abrir, aos 29. Em contra-ataque, Jaílson recebeu pela direita com a defesa aberta, invadiu a área e chutou cruzado.

Sete minutos mais tarde, o Paulista marcou mais um. O lateral-esquerdo Fábio Vidal fez boa jogada na entrada da área e de perna direita, acertou um lindo chute por cobertura, sem chances para Márcio.

Apesar do placar favorável, o time da casa não diminuiu o ritmo e ainda fez outro, aos 45, com o volante Marcus Vinícius desviando de cabeça um cruzamento para a área. No minuto seguinte foi a vez de Jaílson bater forte no canto esquerdo, fazendo o quinto.

Na volta do intervalo, o Paysandu não conseguiu corrigir as falhas e sofreu mais dois gols relâmpagos, todos em erros da defesa. Logo no primeiro minuto, Victor Santana marcou o primeiro dele e Jaílson fez o sétimo, aos três. Aos 16 e aos 31, o mesmo Jaílson balançou a rede mais duas vezes e fechou a goleada histórica.

Ficha técnica:

Paulista 9 x 0 Paysandu

Paulista: Victor (Róbson); Marco Aurélio, Dema, Rever e Fábio Vidal (Eduardo); Glaydson, Marcus Vinícius, Marcelo Oliveira e Felipe Sodinha; Victor Santana (Leandro Alves) e Jaílson. Técnico: Vágner Mancini

Paysandu: Márcio; Oziel, João Paulo (Esquerdinha), Júnior e João Vitor; Marabá, San, Élson (Rodrigo), Rogerinho e Têti (Zé Augusto); Aldrovani. Técnico: Sinomar Naves

Gols: Dema, aos cinco, Jaílson, aos 29, Fábio Vidal, aos 36, Marcus Vinícius, aos 45, e Jaílson, aos 46 minutos do primeiro tempo; Victor Santana, a um, Jaílson, aos três, Jaílson, aos 16, e Jaílson, aos 31 minutos do segundo tempo.

Árbitro: Rogério Pereira da Costa (MG)

Cartão amarelo: Júnior, João Paulo, Élson, San, João Vitor, Eduardo, Marcus Vinícius

Cartão vermelho: Júnior

Renda R$ 13.220,00

Público 1.618 pagantes.

Local: Estádio Jaime Cintra, em Jundiaí (SP)

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas