O ex-Beatle Paul McCartney congelou a conta bancária conjunta que mantinha com sua esposa, Heather Mills, depois de descobrir que a ex-modelo retirava somas "escandalosas" de dinheiro sem sua permissão, segundo informou nesta segunda-feira (07) o jornal inglês The Sun. O músico, que possui uma fortuna avaliada em US$ 900 milhões, e Heather, com quem tem uma filha de dois anos, anunciaram sua separação em julho.

Fontes próximas ao casal indicaram que a ex-modelo tenta ficar "com a maior quantidade de dinheiro possível" do músico, que possui uma fortuna pessoal estimada em US$ 900 milhões

"Paul se enfureceu com a quantidade escandalosa de dinheiro que Heather estava retirando da conta conjunta. Parece que ela está determinada a gastar todo o dinheiro que puder antes que o divórcio a impeça", acrescentou uma fonte próxima a McCartney.

O ex-Beatle, de 64 anos, e sua esposa, de 38, têm uma filha de dois anos chamada Beatrice e anunciaram sua separação em julho deste ano devido a "diferenças inconciliáveis e constantes brigas".

Recentemente a imprensa sensacionalista britânica publicou fotos do passado de Heather que mostravam a ex-modelo em poses eróticas e pornográficas. "Eles costumavam se amar muito. Agora só resta rancor e ódio", acrescentou a fonte, explicando que McCartney e Heather se comunicam "apenas através de seus advogados".

Heather se negou a receber US$ 60 milhões da fortuna do músico e pretende iniciar uma disputa judicial para ficar com pelo menos a metade do dinheiro do ex-marido.