Foi instalada ontem, na sede do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em Curitiba, a Comissão Municipal de Geografia e Estatística (CMGE) para o censo demográfico de 2010.

Composta por representantes de diversas entidades da administração municipal da capital, a comissão tem como objetivo promover a interlocução entre o IBGE, representantes do poder público e da sociedade civil.

“No último dia 27 de maio, também em Curitiba, instalamos a Comissão Estadual de Geografia e Estatística. Agora, é a vez da municipal. Com isso, queremos mostrar à sociedade como o censo 2010 está sendo planejado e melhorar nossas ações de divulgação”, diz o chefe do IBGE no Paraná, Sinval Dias dos Santos.

Em outubro tem início o processo seletivo para contratação de supervisores e trabalhadores dos postos de coleta do censo. No começo do próximo ano, começa a contratação dos recenseadores. De acordo com Santos, o Censo 2010 envolverá a contratação de cerca de 240 mil pessoas, sendo cerca de 13 mil só no Paraná.

“Curitiba terá 2,4 mil setores censitários (pequenas áreas territoriais), com uma média de 300 domicílios cada um. A coleta das informações terá início no dia 1.º de agosto do próximo ano e término em 30 de novembro. Em dezembro, alguns resultados preliminares já serão divulgados”, informa.

No próximo censo, as pessoas poderão optar entre responder o levantamento pessoalmente ou pela internet. Caso seja escolhida a internet, o IBGE irá liberar uma senha ao cidadão, que por sua vez fará o preenchimento e a transmissão do formulário.

No último censo demográfico, em 2000, foram encontradas 1.587.315 pessoas residentes em Curitiba. No total, os recenseadores visitaram 471.163 domicílios, com uma média de 3,36 moradores por domicílio. As mulheres representavam 52% da população e os homens, 48%. Eram 65.619 pessoas do sexo feminino a mais do que do masculino.