Os moradores do Conjunto Prata 4 estão curiosos para saber o que será construído na instalação onde funcionava o Espaço de Contraturno Escolar Socioambiental (ECO), na Rua Edvald Ribas Borba, no Sítio Cercado. A casa fica ao lado de uma praça com equipamentos de lazer para crianças e estava desativada há cerca de dois anos. Nesta semana, trabalhadores da prefeitura começaram a realizar obras no local.

Desde que deixou de ser utilizada, a casa passou a ser alvo de vandalismo e serviu de abrigo para usuários de drogas. Com isso as crianças deixaram de frequentar o espaço. “Esse lugar é pras crianças, mas não tem como vir aqui. Começa o fim de tarde e os usuários de drogas já começam a chegar”, conta a aposentada Maria das Dores de Oliveira. Agora, com o início das obras no local, ela acredita que o problema irá diminuir.

Segundo a Secretaria Municipal de Obras, toda a estrutura da antiga casa será demolida para construção de um Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI), com capacidade para atender 200 crianças. A previsão é que as obras sejam concluídas no final do ano e as aulas comecem no ano que vem. Mesmo assim, a aposentada Joaquina Gonçalves faz uma solicitação: a instalação de uma academia para ela realizar suas atividades físicas em plenos 82 anos de idade. “Precisa de uma academia aqui pra gente”, pede.